Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Sons de Verão (II)

por Sofia Bragança Buchholz, em 22.05.08
Quatrocentos paus sem recibo nem garantia, por uma barata que NÃO faz barulho com as asas porque deve ser fêmea!!!
Estou lixada!

Autoria e outros dados (tags, etc)


comentários

Sem imagem de perfil

De Luis Serpa a 23.05.2008 às 08:28

Compreendo a sua indinação, cara Sofia Buchholz. Uma fêmea que não faz barulho devia valer muito mais.
Imagem de perfil

De Sofia Bragança Buchholz a 23.05.2008 às 11:23

LOL. Esteve bem agora, Luis Serpa :-)
Sem imagem de perfil

De A. R a 23.05.2008 às 23:09

Como apanhar o seu próprio grilo

Sair de casa num dia de sol forte e baixa humidade levando principalmente rapazes. Ir bebendo muita água. Dirigir-se a campos abertos de vegetação rasteira mas não muito húmidos onde se ouça o gri-gri. Aproximar-se dos pontos de onde parte o som: cara ao vento, baixado, pé-ante-pé de modo e de modo a não projectar a sombra para o local onde se presume a
vítima. Parar sempre que o grilinho deixar de cantar e prosseguir logo que recomece. Os habilidosos conseguem vê-lo à porta da toca os outros, logo que tenham uma boa ideia do local, devem precipitar-se e tentar localizar a entrada rapidamente levantando os tufos de erva próximos. Uma vez localizada a toca devem posicionar-se por trás e vigiar, polegar em riste uma polegada recuado, para logo que o desgraçado sair lhe cortar a retirada fechando a entrada. Esta dica é importante: na fuga precipitada os grilos entram na toca de cabeça para baixo mas parece não gostarem da posição e vem acima apenas para dar a volta passado pouco tempo. Os grilos mais resistentes podem ser persuadidos a sair com água ou –por isso os rapazes e beber muita água- um chichi bem quentinho. Podem apanhar-se vários e escolher o mais cantador. Não convém que estejam juntos: são de mau convívio com os da sua espécie pelo menos.
Dito isto o grilo, se calhar vendido com gaiola, até foi barato.
Imagem de perfil

De Sofia Bragança Buchholz a 24.05.2008 às 01:16

Pode crer, A.R., com essa trabalheira toda, mais vale dar os 400 paus! ;-)
(Com o "apartamento" eram 600. Mas já por cá havia um T0 do "inquilino" do ano passado)
Sem imagem de perfil

De A. R a 23.05.2008 às 10:17

Cara Sofia
Um grilo não é nada parecido com uma barata. Não sei se é fêmea se não é . Post uma fotografia do dito que logo lhe direi (sem mancha esfumada por favor). Além da seu post configurar uma violação da "igualdade do género" também queria dizer que nem todos os grilos macho são igualmente dados a cantorias. O tempo quente e seco favorece que eles cantem mais e muitos cantam forte e feio de noite (não sei se quer). De qualquer forma em breve, tendo sido um especialista de caça ao grilo na minha meninice, publicarei um manual "Apanhe os seus próprios grilos".
Abraço
Imagem de perfil

De Sofia Bragança Buchholz a 23.05.2008 às 11:28

Não é uma barata, A.R., mas é do mesmo género. E garanto-lhe que se não fosse suposto aquilo fazer "cri-cri" e o visse no chão da minha cozinha, o esmigalhava sem hesitar! ;-)
Sem imagem de perfil

De Luis Oliveira a 23.05.2008 às 10:40

Abaixo o sexismo! Abaixo a discriminação! Já!!!!!
Imagem de perfil

De Sofia Bragança Buchholz a 23.05.2008 às 11:30

Toda a razão, Luis Oliveira, toda a razão, mas como diria a outra (a adolescente do telemóvel): DÊEM-ME O MEU DINHEIRO DE VOLTA, JÁ! : P
Sem imagem de perfil

De Leonor a 23.05.2008 às 15:56

De uma mulher feliz a uma mulher lixada passaram algumas horas. Logo, pode continuar a sentir-se feliz. Há quem passe de um estado ao outro em minutos, senão em segundos. :)

Há, no entanto, uma coisa que me baralha. Como pôde dar 400 paus por uma coisa que, sem o cri cri, esmigalhava?!!
Imagem de perfil

De Sofia Bragança Buchholz a 23.05.2008 às 18:41

Até eu me interrogo sobre isso, Leonor, como podemos comprar, e ter numa gaiolinha em nossa casa, um bicho tão feio como uma barata, só porque faz "cri-cri"!
Enfim, coisas do ser humano! ;-)

Comentar post