Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




há mas são verdes

por Rodrigo Moita de Deus, em 11.06.08

O Nuno Miguel Guedes tem toda a razão. Parece-me evidente que Cavaco Silva não sabia o que estava a dizer. O que não é assim tão grave.

Autoria e outros dados (tags, etc)


comentários

Imagem de perfil

De António de Almeida a 11.06.2008 às 11:17

O dr Fernando Rosas também não sabia o que estava a dizer, mas neste caso não é de admirar, nunca sabe!
Imagem de perfil

De José Manuel Faria a 11.06.2008 às 11:20

Cavaco não cometeu uma gaff, ele disse o que pensa.

A entrevista de ontem de Carvalho da Silva mostra um Homem competente para PR.

Cavaco perde para Carvalho da Silva na 2ª volta.

A esquerda que se deixa de sectarismos e se una para derrotar o "filo-fascista" nacional.
Sem imagem de perfil

De Tiago Moreira Ramalho a 11.06.2008 às 13:05

Deus nos livre e guarde de um dia termos o Carvalho da Silva como PR!

Sim, pq se o Dr. Cavaco é "filo-fascista" por dizer que o dia 10 é dia da raça, o Sr. Carvalho é certamente estalinista, ao ouvir o que ele diz. Se nao admite uma extrema-direita na presidencia, admite uma extrema-esquerda...? Gostaria de lembrar que ambas fizeram imensos estragos, só é pena que uma leve pelas duas... mas pronto! Viva o Lenine, o Estaline, o Fidel, o Mao, o Cunhal e todos esses senhores da liberdade! Viva!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 11.06.2008 às 11:41

Quer o Rodrigo dizer que foi lapso? Qual lapso? O Nuno Miguel Guedes já fez, muito caridosamente, o spin. É assim: Méne, "raça" é toda a gente em Portugal, tás a ver? Brancos, pretos, amarelos, camionistas e padeiros e o obikwellu, tás a ver? Isso é que é a "raça". Rais parta que a esquerda não percebe, ó pá! Peace, brother. Os ingleses também têm o race day, ou coisa assim, que comemora a raça inglesa, que são os pakis, os rastas, os chinocas, os gajos barbudos dos turbantes, etc.

Peter Pan
Imagem de perfil

De quatro_tempos a 11.06.2008 às 14:04

Essa foi mais Peter Pum !
Imagem de perfil

De Nuno Miguel Guedes a 11.06.2008 às 14:30

Pedro, já lhe respondi no post devido ao seu bom comentário. Mas depois de o ler agora, estou arrependido com a minha civilidade. Muito fraquinho e revelador.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 11.06.2008 às 14:49

Pedro, deixe-se disso; fiz uma sátira, apenas isso, não o ofendi. Respondi-lhe outra vez lá em baixo. Se não continuar a sentir-se muito ofendido, pode responder.

Pedro
Sem imagem de perfil

De Arquiduquesa de Grayskull a 11.06.2008 às 12:16

Só é pena que a direita à direita da extrema direita tenha gostado tanto desse lapsus linguae.
Sem imagem de perfil

De al kantara a 11.06.2008 às 12:32

Caro Rodrigo, o Nuno Miguel Guedes pode ter toda a razão mas ele não diz que o Cavaco não sabia o que estava a dizer. O que ele defende é essa noção pós-contemporânea de raça que o "ser não identificado" tão bem caracterizou no seu comentário. Quanto à indulgência quase maternal que a direita democrática manifesta com as patacoadas do presidente, está um pouco aquém do entusiasmo com que essas patacoadas são recebidas pelos nazis, esses que têm da raça uma noção um pouco mais ortodoxa...
Imagem de perfil

De Nuno Miguel Guedes a 11.06.2008 às 14:35

Al Kantara, você tm um dom quase cabalístico de ver subtextos onde eles não existem. Eu não defendo coisissima nenhuma - eu ataco uma reacção que me pareceu oportunista e rasteirinha, para mais vinda de alguém com competência no assunto. O presidente devia ter mais cuidado com o que diz? com certeza. Se eu acho que a raça é isso que me está a ser imputado? Não: apenas descodifiquei o o contexto da palavra no tempo em que ela foi usada. Se eu acredito em «raça»? Acredito em identidade nacional, sim, mas não lhe chamo raça. Se você sabe ler? Tenho dúvidas.
Sem imagem de perfil

De al kantara a 11.06.2008 às 14:50

Caro Nuno Miguel, não é o único que tem duvidas sobre as minha capacidades na leitura. Eu próprio, por vezes, tenho dúvidas se naquilo que leio está na íntegra aquilo que foi escrito (bem vê, não será por iliteracia, é mais uma espécie de mau feitio que me atormenta). Mas é essa dificuldade que já conseguiu levá-lo a afirmar que o presidente deveria ter mais cuidado com aquilo que diz. I rest my case...
Imagem de perfil

De Nuno Miguel Guedes a 11.06.2008 às 15:32

Isso nunca esteve em causa, Al Kantara. Não há uma palavra do texto que defenda o que o presidente disse. Como todos os chefes de estado, tem responsabilidades, mas não é perfeito. Pessoalmente acredito que disse o que disse sem pensar no peso das palavras. Usou a expressão antiga porque foi a que se lembrou primeiro. Posso star enganado e acho que nunca saberemos a verdade. Mas não foi exactamente um Hugo Chavez. O que se condena é desproporcionalidade da reacção para tirar daí dividendos políticos.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 11.06.2008 às 15:46

"Não é por acaso que o dia de Camões era também o «dia da raça». Porque «raça», aqui, não representa características genéticas eventualmente superiores. É entendido no sentido em que era usado no século XVI, significando gesta, povo, colectivo. Está nos Lusíadas, meu Deus. É um simbolo de identidade colectiva de nação, única, individual."
Disse o Nuno antes

“Não há uma palavra do texto que defenda o que o presidente disse.”
Diz agora

Nuno, não há aqui uma contradição?

(espero que ache este meu comentário civilizado; não o quero ofender; estou apenas a provocar, como se diz na coisa que cliquei)

Pedro
Imagem de perfil

De Nuno Miguel Guedes a 11.06.2008 às 15:49

Pedro,
atacar a reacção do Bloco não implica defender o presidente. Consegue perceber isso, ou não? Mais lá nos comentários ao meu post. Mas olhem que a minha vida não é isto, rapaziada.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 11.06.2008 às 16:00

Pedro, você fez um belíssimo texto teórico sobre o significado de Raça e tal, e agora está a ficar tímido? Não estava a defender o presidente? Olhe que os assessores do gajo não conseguiam elaborar coisa mái linda, ó pá.
Eu sei que o Bloco exagerou. Mas os meus comentários eram sobre a sua noção de Raça e a sua acepção histórica da coisa. O resto, é problema do Bloco, com quem eu não tenho nada a ver.

Pedro
Imagem de perfil

De Nuno Miguel Guedes a 11.06.2008 às 16:08

Pedro... não há defesa de teoria, nem afirmação de convicções pessoais sobre o putativo carácter de «raça». Apenas lembrei o contexto em que era utilizado. Já tinha dito isto, não já? Já. Pronto, obrigado a todos mas agora vou sofrer com a raça a jogar à bola, pode ser? Quanto a Cavaco, nunca me foi figura simpática (mesmo para quem não é um liberal puro como eu) e nem sequer voto nas presidenciais. Seria o pior dos assessores, eu que não o quero ser de coisa alguma. Nem de mim mesmo.
Sem imagem de perfil

De al kantara a 11.06.2008 às 15:52

Cuidado, Pedro. Parece que lhe peguei a minha capacidade quase cabalística de descobrir sub-textos onde o Nuno Miguel garante que não existem. Qualquer dia, está como eu, nem ler sabe...

Comentar post