Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




states

por Rui Castro, em 21.07.08

Numa altura em que, na maioria das sondagens, Obama aparece com uma vantagem sobre McCain em média não inferior a 5%, há quem diga que esta viagem ao Iraque/Afeganistão (depois, dará uma volta pela Europa) pode ser decisiva para dissipar as dúvidas que os apoiantes de McCain têm lançado sobre a capacidade do candidato democrata em assumir o papel de "Comandante-Chefe" das tropas americanas, catapultando-o de forma decisiva para uma vitória que parece cada vez mais certa. Um dos principais argumentos que tem sido usado - falta de experiência - para criticar Obama, nomeadamente para criticar o plano de retirada dos soldados americanos do Iraque até 2010 (em parte seriam deslocados para o Afeganistão), pode sofrer um duro revés com o alegado apoio do Primeiro-Ministro iraquiano à proposta de Obama. A confirmar-se tal apoio, dificilmente poderá McCain insistir no erro do plano de retirada de Obama, restando-lhe confiar que os "escândalos" do democrata, ainda por revelar, levem o eleitorado a fazer uma escolha mais conservadora.

Autoria e outros dados (tags, etc)