Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Cordeiro com pele de parva

por Henrique Burnay, em 17.01.07
O programa dos maiores ou melhores portugueses interessa-me tanto quanto os Morangos com Açúcar ou o Jornal da TVI. Acho curioso, deve querer dizer alguma coisa, mas não me estimula muito. Problema meu, calculo. E quando vir a Clara Ferreira Alves mascarada de Pessoa ou o Dr. Portas a fazer de D. João II até posso mudar de opinião. Entretanto, interessam-me os detalhes.
Na apresentação desta última fase, Maria Elisa, que é suposto não ser idiota, vira-se para Jaime Nogueira Pinto, que defende a escolha de Salazar, e diz (do próprio Nogueira Pinto): “é um homem de coragem”, acrescentando qualquer coisa como “não o impressiona que seja escolhido como o melhor português alguém que não desejava a Democracia?”.
Antes mesmo, a Odete Santos, que considera Cunhal o maior ou melhor ou lá o que é, Português de sempre, disse apenas que a própria (Odete) era a pessoa mais indicada para defender Cunhal. "Por ser actriz" e mais não sei o quê.
Esta coisa de achar que Salazar foi um torcionário e Cunhal um motivo de curiosidade e encantamento não é apenas grave, é sintoma de imbecilidade.
Salazar não merece ser considerado nem o maior nem o melhor nem o mais fascinante dos Portugueses. Mas Cunhal também não, e por tantas ou mais razões até. Nem que fosse pelos diferentes papéis desempenhados na  História. E em matéria de campeões da Democracia ali presentes (figuras históricas, quero eu dizer), temos uma quantidade delas, a começar por aquele senhor Afonso.
Ah, calma, parece que Maria Elisa corrigiu e disse, sobre Salazar e a democracia: “sim, mas na década de setenta…” De facto, na década de setenta Salazar já devia defender a Democracia. Isso e a exumação de cadáveres.

E a propósito. Que a senhora dona Maria do Carmo Seabra seja incluída na lista dos cem mais, só revela como os sindicatos dos professores são mesquinhos. Nas aulas devem dizer que é uma pena a televisão não falar da História, da Cultura, dessas Coisas. Na hora de votar, acham que assim achincalham a ministra. Bravos.

Autoria e outros dados (tags, etc)


comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 17.01.2007 às 22:38

Não é preciso os sindicatos achincalharem a Ministra. Ela achincalha-se sozinha.
Sem imagem de perfil

De SOU COMUNISTA! a 18.01.2007 às 00:18

Eu cá acho que se esqueceram, na eleição para o melhor português de sempre, da cadeira onde o Presidente do Conselho se sentou pela última vez. Essa cadeira devia de estar entre os dez finalistas, defendida por algum industrial pato bravo de Paços de Ferreira.
Álvaro Cunhal não precisava disto para nada e, já agora, os outros também não... só a cadeira, essa bela cadeira votada ao esquecimento.
Avante Camaradas... estou à espera!
Sem imagem de perfil

De luis lancastre a 12.02.2007 às 15:47

caros comunas

fico contente com a vosa indignação relativa ao Senhor Professor, apesar dos anos ainda mexe com a convosco. Quanto ao senhor cunhal é uma pena que uma dos grandes bufos do sec xx (bufo quer dizer delator) esteja nesta lista, é uma pena os senhores não saberem a história contemporanea pois o vosso idolo viveu a subir no partido á custa de denunciar a Pide quem lhe fazia frente, lembram-se do A. Ingles, se calhar não., enfim como é que acham que um comuna numa, por vós chamada ditadura, poderia formar-se em direito ou fugir de uma prisão de uposta alta segurança, só com conivencia do regime por agradecimento ás suas denúncias sistemáticas

saudações democraticas

Luis Lancastre
Sem imagem de perfil

De luis lancastre a 12.02.2007 às 15:50

p.s.
os erros oortograficos são um problemaa informátivo
peço desculapa

Comentar post