Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O Rodrigo não é um homem do Norte! *

por Paulo Pinto Mascarenhas, em 29.01.07

* A não perder o ataque cerrado de Deus aos nortenhos e à sua hiperactividade:

"O Norte é uma espécie de hiperbolização. Metáfora. Exagero literário. E logo na definição geográfica. Este Norte começa na avenida dos Aliados e acaba na rotunda da Boavista. A norte da VCI já é Espanha e a sul do douro estamos no Magreb. É que os do Porto não falam como os de Matosinhos. Os de Matosinhos embirram com os de Leça e os de Leça cortaram relações com os de Gondomar. Pelo caminho, ninguém se dá com Braga nem Braga se dá com o Norte. Conclusão: o “norte” tem mais facções que os territórios palestinianos. "

Mais, só na edição que sai quarta-feira. Todos às bancas!

Autoria e outros dados (tags, etc)