Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Contabilidade criativa

por Nuno Gouveia, em 24.09.09

 

Ainda a propósito das confusões que envolvem José Lello e António Braga, recordo aqui o que Ana Gomes dizia de Lello, quando ainda não tinha ido ao "Perdoa-me" com José Sócrates. Será que a eurodeputada tem a honestidade intelectual de reafirmar as criticas que fez a um dos conselheiros mais próximos de Sócrates?

 

A militante socialista afirma que o deputado do PS, actual responsável pelo departamento de Relações Internacionais do partido, “evidencia hoje total descontracção” na “gestão contabilística criativa de campanhas eleitorais off-shore” e “demonstra apurado faro” para escolher “representantes socialistas e consulares devidamente encartados no Jogo do Bicho e engenharias similares”.

 

Ana Gomes acrescenta que Lello “se aplicou ao longo dos anos, na aparelhagem socialista e do Estado, a desenvolver múltiplos talentos empilhadores que in illo tempore o terão feito (dizem-me) vendedor na Caterpillar”.

 

A deputada europeia conclui aludindo à polémica em torno do empresário Licínio Soares Bastos, que che- gou a ser nomeado cônsul honorário pelo actual secretário de Estado das Comunidades, António Braga. “[Lello] evidencia hoje total descontracção no accionamento em simultâneo de várias ‘expertises’ – da promoção de qualquer banha-da- cobra, à penetração do submundo futebolístico, passando pela gestão contabilística criativa de campanhas eleitorais ‘off-shore’. 

Autoria e outros dados (tags, etc)


comentários

Sem imagem de perfil

De Amêijoa Fresca a 24.09.2009 às 19:26

Neste país de coutadas
superlotadas de trapaceiros,
as negociatas enlatadas
parasitam meios financeiros.

A arte de negociar
fundos e mundos,
agindo a agraciar
tráficos imundos!

A lotaria eleitoral
distribuirá poleiros,
é a certeza visceral
de valores foleiros.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 24.09.2009 às 19:36

Completamente offtopic...

Ninguém comentou isto?

"Jet Republic suspende actividade em Portugal "

http://aeiou.expresso.pt/jet-republic-suspende-actividade-em-portugal=f531890

http://ifronline.blogspot.com/2009/08/bombardier-cancela-contrato-de-venda.html

http://www.flightglobal.com/articles/2009/08/21/331325/financing-crisis-brings-jet-republic-to-a-halt.html

Parece que houve umas dezenas de empregados a baterem com o nariz na porta na sede em Lisboa logo no 1º dia de actividade da empresa, e isto não foi noticia? Ficou tudo a arder de emprego?
Sem imagem de perfil

De Salazar a 24.09.2009 às 19:56

José Lello é Administrador da construtora DST, de Braga. Foi indicado por António Braga, Presidente da Assembleia Municipal de Braga pelo PS Mesquita Machado, ao amigo Presidente da DST, José Teixeira.
Isto para a DST entrar nas concessões, SCUTs, TGV, Auto-Estradas. Já entro nas renováveis, nas águas (Aquapor, onde nomeou Administrador o Cardoso, ex-Presidente da CM Porto ) e era o promotor da Qimonda Solar (que faliu com incentivo COMPETE).
Financiamento partidário? Não......
Sem imagem de perfil

De Observador indiscreto a 25.09.2009 às 01:44

Ainda há dias José Lello andava atarefadíssimo numa visita do Primeiro Ministro a uma empresa do Grupo Ferpinta. Chegou antes de Sócrates uma meia hora, entrou para falar com a administração e saiu com com sorriso de orelha a orelha.
Não sei o que ele foi fazer lá mas suspeito que tenha ido receber o cachet do Primeiro Ministro.
Sem imagem de perfil

De Amêijoa Fresca a 25.09.2009 às 11:34

A contabilidade criativa


é uma grande habilidade,


para uma gestão putativa


cheirando a ilegalidade.


 


Os talentos empilhadores


das máquinas eleitorais,


são autênticos servidores


de negociatas imorais.

Comentar post