Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




o novo hino da esquerda

por Rui Castro, em 22.02.07

A propósito das preocupações manifestadas por Vital Moreira, aqui referidas por deus, lembrei-me daquele que poderá ser o novo hino da esquerda:

Pobre dos ricos que tanto tem
Mas pra que serve tanto dinheiro?
Faltam os sonhos
Falta vontade
Faltam o tempo e a liberdade
Vivem com medo de perder algo
Sobra arrogância, sobra ganância
Faltam o tempo e a esperança
Faltam a brisa e o sol da manhã
Pobre dos ricos que não conhecem toda magia da liberdade

Não tenho nada e tenho tenho tudo
Sou rico em sonhos e pobre pobre em ouro
Do que me importa se todo esse dinheiro
Não compra amigos, estrelas o amor verdadeiro

Eu tenho sorte porque sou pobre
Me sobra tempo, me sobram sonhos
Tenho de sobra sonhos e garra
E muita esperança para conquistar
Músicas lindas para cantar
Beijos tão doces para beijar
Pois tenho todo tempo do mundo
Porque me sobra cada segundo
Tudo que tenho é dividido
Minha riqueza são meus amigos

P.S. Já estou a imaginar a "Flor" nos cartazes do BE, lado a lado com o Professor Louçã e com o Daniel Oliveira.

Autoria e outros dados (tags, etc)


comentários

Sem imagem de perfil

De Ricardo Sebastião a 22.02.2007 às 10:22

O problema é que a menina flor vai acabar por ficar (daqui a 243 anos) com o seu príncipe encantado que por acaso é podre de rico e até tem empregados em casa vejam lá... Pobres deles que tanto vão ter!
Sem imagem de perfil

De papa castros a 22.02.2007 às 12:05

Ó Flor,
O problema é que a personagem é mais da tua família de mentecaptos: apoiou o "não" no referendo. E mesmo a roupinha que usa é muito parecida com os teus fatinhos de palhaço. Sabias que não é obrigatorio usar fatinhos maconde ?
Imagem de perfil

De Rui Castro a 22.02.2007 às 12:24

Caro amigo papa castros,
A maconde fechou nas amoreiras onde eu comprava os meus fatos de 4 botões. A alternativa são agora os de 3 (não tem de 4) da Giovanni Galli. Se quiser diga que vá da minha parte que eles fazem desconto de amigo.
Abraços
Sem imagem de perfil

De joj a 22.02.2007 às 14:51

que ridículo. haverá alguém que pense nesta barraca?
Sem imagem de perfil

De stephane filipe oliveira a 22.02.2007 às 22:55

Porque vos incomoda tão a esquerda? Tão com medo de perder o vosso lugarzinho aristocrático os meninos? Tadinhos... Façam beiçola...
Sem imagem de perfil

De Joana Simões a 23.02.2007 às 04:56

Parece-me mas é que esse hino é mais salazarista que outra coisa qualquer.
Só alguém de direita quer que as pessoas se contentem por serem felizes, bradando aos quatro ventos que o dinheiro não traz felicidade, e que o que importa é o amor. Talvez vocês devessem ler Ricardo Araújo Pereira. Sempre tem mais substância e coerência na construção e defesa das suas ideias.

Comentar post