Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Contra a ETA e pela Liberdade

por Manuel Castelo-Branco, em 10.03.07

Se havia algo que eu admirava na esquerda Espanhola nos tempos de Felipe Gonzalez era a sua atitude responsável, coerente e racional na luta contra o terrorismo.
 
O relativismo político de Zapatero, a ausência de reacção e de uma posição de força contra a ETA e o Batasuna, colocaram a Espanha, pela primeira vez na sua história,  numa atitude errática no combate ao terrorismo.
 
A Espanha está hoje profundamente dividida na luta contra o terrorismo. Um dos pilares básicos dessa luta -  o consenso esquerda direita foi quebrado por esse grande equívoco chamado Rodrigues Zapatero.
A fraqueza do governo e do estado de direito, o fim da ideia de unidade que este representava são inversamente porporcionais ao crescimento operacional da ETA e da força politica do Batasuna.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


comentários

Sem imagem de perfil

De será que vai haver pudim para sobremesa? a 10.03.2007 às 22:33

Barcelona 2-2 Real Madrid (2ª parte)
Sem imagem de perfil

De olha empataram a 11.03.2007 às 10:37

3-3

Comentar post