Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Finalmente um pouco de bom senso

por Henrique Burnay, em 14.03.07
A taxa de juro que serve de indexante à maioria dos empréstimos à habitação em Portugal (Euribor) corrigiu hoje do máximo de seis atingido segunda-feira, no dia em que a OCDE apelou aos principais bancos centrais mundiais para não aumentarem mais o preço do dinheiro. In DD.

O BCE, e o seu modelo de governação e actuação, têm sido uma poderosa arma no empobrecimento da UE, e não só.



Autoria e outros dados (tags, etc)


comentários

Sem imagem de perfil

De jcd a 14.03.2007 às 10:52

Porquê? Como é que o BCE empobrece a UE?

Está a sugerir que o BCE deva manipular as taxas de juro?
Imagem de perfil

De Henrique Burnay a 14.03.2007 às 13:06

Meu caro, o BCE manipula as taxas de juro, lamento desapontá-lo. Ou acha que há lá um mecanismo de piloto automático? Sim, há uma decisão. O detalhe incide sobre se devemos defender que essa coisa das taxas de juro é tão importante, tão importante que não pode ficar na mão da cáfila dos políticos (coisa que algumas economistas defendem). Ou se, pelo contrário, devemos defender que isso é tão político como tudo o resto. Coisa que, entre outros, o grande Leonardo Ferraz de Carvalho defendia.
Mas mesmo que se entenda que só os invictos banqueiros é que devem tratar dessas coisas, ainda assim eu, e pelos vistos uns cavalheiros da OCDE, podemos achar que o aumento sucessivo da taxa do BCE não é positivo, muito pelo contrário.
Mas discuto o assunto de bom grado.

Comentar post