Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




ler quem sabe

por Rui Castro, em 15.03.07

"A Europa viveu em paz nestes últimos 50 anos precisamente porque os mecanismos da sua integração evitaram mais um movimento de reconfiguração territorial. Pelo contrário, usaram-se as melhores energias das nações existentes para construir um objecto político sui generis, que não é nem a sua reunião sob a forma federal nem a sua existência estritamente separada. O federalismo europeu devolve-nos às piores razões dos brutais conflitos europeus. A União Europeia que existe, descentralizada, casuística, sem uniformidade, é um grande êxito político e económico, tendo trazido paz e prosperidade. A ideia federal é o contrário disso. É e será sempre fonte de conflitos graves. Não vale a pena estragar o que está bem." (Luciano Amaral, no dn de hoje)

Autoria e outros dados (tags, etc)