Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




A próxima República II

por Henrique Burnay, em 03.12.06
Pedro Lomba tem, acho eu, toda a razão em relação a Sególène Royal. E ele não disse - pelo menos exactamente assim, mas parece-me inevitável dizê-lo - que, de qualquer maneira, o facto de ser mulher já seria, por si só, novidade suficiente.
Acrescente-se o facto de Sarkozy, apesar de ser Ministro do Interior e líder da UMP, ser um corpo estranho na política francesa, e tem-se a prova da novidade.
As próximas eleições francesas são revolucionárias - passe o exagero. A falta que isso faz à Europa.

Autoria e outros dados (tags, etc)