Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O Estado, através da Porto 2001, foi condenado a pagar uma indemnização num total de perto de três milhões de euros a 60 comerciantes da cidade do Porto, disse hoje o advogado dos lojistas. Em causa estão os “prejuízos causados pelas obras da Porto 2001” (que transferiu para a Fundação Casa da Música alguns activos aquando da sua extinção), explicou, em comunicado, o advogado Nuno Cerejeira Namora, que representou a Associação de Comerciantes do Porto (ACP) e que classificou a decisão do tribunal como uma “vitória da cidade e dos comerciantes sobre o comportamento autista e prepotente da equipa que liderou o evento”.

Autoria e outros dados (tags, etc)


comentários

Sem imagem de perfil

De ainda recebem em euros? a 18.11.2012 às 23:38

bolas já não é mau

olha se fosse em rolos de papel higiénico

ou em filmes dos forcados da moita

en forcados veritas...

Comentar post