Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




a legalidade

por Rodrigo Moita de Deus, em 09.10.17

Gosto do argumento da legalidade para discutir temas como a independência e a autodeterminação. Gosto ainda mais quando são portugueses a invocar a coisa para falar da catalunha. Toda a gente sabe que, por exemplo, a restauração em 1640, foi feita no mais escrupuloso respeito pela legalidade.

Autoria e outros dados (tags, etc)


comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 11.10.2017 às 10:00

Ó 31 porque recuar 377 anos e não 437?
Filipe II estava em terceiro lugar na linha de sucessão ao trono.
Dona Catarina de Bragança estava em segundo lugar.
Muitos fidalgos portugueses foram subornados pelo rei Filipe II
Apenas Dom António, Prior do Crato, aclamado Regedor e Defensor do Reino pelo povo, se opôs e combateu as tropas espanholas
Portanto 1640 vem restaurar a soberania portuguesa.
A comparação que faz é completamente ilegítima
Sem imagem de perfil

De maria costa a 12.10.2017 às 16:28

Em 1580 aclamamos Felipe e em 1640 demitimos o neto -tudo dentro da lei então vigente!

Comentar post