Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




PPC

por Alexandre Borges, em 04.10.17

Passos nunca soube adaptar-se ao estranho papel de ser, ao mesmo tempo, o homem que tinha ganho as eleições e perdido o governo. Faltou-lhe instinto político antes e depois, cometeu erros por actos e omissões, e sai agora na altura certa, porque já não tinha como continuar. Foi um péssimo líder da oposição e um grande primeiro-ministro. Porquê? Em três pontos simples: tirou o país da falência em que o metera Sócrates, salvou-o da canalhice de Portas e libertou-o de 20 anos de sequestro por Ricardo Salgado. À medida que forem assentando ressentimentos e entusiasmos partidários, a História reconhecê-lo-á, sem dificuldade. Acima de tudo, foi um homem de bem. Venha outro tão decente e melhor político. Mas será difícil. Não são coisas que se cruzem muito na mesma pessoa.

Autoria e outros dados (tags, etc)


comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 04.10.2017 às 20:45

sequestro de Ricardo Salgado !!!??? muito o pais deve a Ricardo Salgado!!! agora vai estar entregue a abstrações...ninguem os conhece...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 04.10.2017 às 20:48

sequestrado por Ricardo Salgado !!!??? Portugal é que teve sequestrado pelos liberais da sinagoga de amesterdã...era inevitavel a destruição do maior banco de matriz cristã...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 04.10.2017 às 21:26

Salgado, esse socialista encapotado!
Sem imagem de perfil

De frar a 04.10.2017 às 21:34

Os PS's, e outros, têm inveja de Passos Coelho: quando tal parecia impossível... apareceu alguém com coragem de dizer NÃO ao senhor Salgado - Passos Coelho!
Perfil Facebook

De Rão Arques a 04.10.2017 às 21:39

Ponto principal, Passos não sendo manhoso nunca poderia bater-se com um Costa batoteiro em cima de pano verde e limpo.
Bastava ter encarregado os seus segundos de lhe fazerem um apanhado de atividades cinzentas, ações e contradições de ontem e de sempre.
Perante esse arrogante e indecoroso personagem, especialmente no parlamento limitavam-se a ler citações, muitas delas bem conhecidas e ainda frescas que o deixariam sem concerto.
Na minha, continuo acima de tudo centrado em Costa e não o largo.
Quem faz um cesto faz um cento, e só com uma emboscada torpe e rastejante poderia ter abatido um homem vertical.
Que Ironicamente continua de pé, enquanto o furtivo atirador vai arrastando os joelhos por terra.
No rescaldo destas eleições Interessa-me mais o que ele seria capaz de dizer se não precisasse dos ainda alinhados da carroça.
Deve ser lembrado que Costa cavalgando uma derrota arrebanhou os que agora lhe seguiram as pisadas no afundamento.
Dos escombros a três se faz um vencedor, sendo de uma hipocrisia e lata sem medida a vinda a terreiro para os aconchegar depois de um descalabro diabólico.
Perfil Facebook

De Rão Arques a 04.10.2017 às 22:17

Só para concluir a minha receita envinagrada refiro o que os entusiasmados órgãos de comunicação consideraram como farpa de Costa, a alusão às "dores" do PSD no passado domingo.
Não houve ninguém naquela bancada capaz de lhe responder a rasgar apenas isto:
O Sr. primeiro ministro está a fazer crer que já se esquece de como lhe doeu a derrota nas legislativas, só se safando com um par de calçadeiras enfiadas à pressa sem recurso a vaselina para resgate do próprio cadáver politico a tombar de podre.
Sem imagem de perfil

De AB a 04.10.2017 às 22:35

Bem dito.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 04.10.2017 às 23:52

Sem preocupações, o "rato" (que ganhou as anteriores eleições à boleia de Passos Coelho) irá envenar o PS
https://ominho.pt/candidato-junta-ponte-acusado-subornar-eleitores/
Sem imagem de perfil

De Ernesto Sousa a 06.10.2017 às 10:35

Há que felicitar Marcelo Rebelo de Sousa pela vitória do PS e saída de Passos Coelho. Mas quem o conhece sabe como isso é trivial nele.
Penso que a banca do discurso de treta que fez ontem devia ter em vez do símbolo da república, o montante da dívida de 250 000 000 000 000 de euros que temos de pagar, ao mesmo tempo que o Costa alarga a sua base social de apoio com benesses e promessas e passa incólume num país sem memória e sem plano para futuro com o beneplácito e incentivo da PR. Os portugueses têm o que merecem sem dúvida.
Sem imagem de perfil

De O SÁTIRO a 07.10.2017 às 02:39

não vejo onde está essa canalhice do Paulo Portas.
Do Relvas, sim, e muitas....
aliás, como maçon do GOL, dominado pelo PS, a principal função do relvas era criar problemas ao Portas. E criou muitas muitas..só para xatear.
há até uma célebre discussão aos gritos bem altos na junqueira em casa do relvas, com o portas.
acabou por dar ao PSD a estrondosa derrota autárquica de 2013...e ser um péssimo ministro ...aquela reforma das autarquias só de loucos..e a limitação de mandatos, enfim, misto de palermice e estupidez.
O CDS aguentou, como partido mais pequeno, uma coligação 4 anos.....pela 1ª vez.
PPC tb tem culpas.....repare-se na formação do governo, nas remodelações....e como tinha obsessão em criar problemas aos ministros CDS...caso de Cristas, por exemplo......

FRANCISCO SÁ CARNEIRO NUNCA FEZ NEM FARIA ISSO AO COLEGA DE COLIGAÇÃO....
quantas vezes PPC criticou DIRETAMENTE.....CHAMANDO PELO NOME.....SÓCRATES e a bancarrota??
NENHUMA
mas golpes palacianos contra o cds fez muitos.
isso não invalida que tenha o mérito de, com o cds, ter arrancado Portugal da bancarrota..............

Comentar post