Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Trump: a hora

por Augusto Moita de Deus, em 25.01.17

Já não é a primeira vez que oiço jornalistas ou comentadores afirmar que Donald Trump deve ter estado a noite toda acordado, pois mandou tweets madrugada fora. Se esteve, qual a relevância disso? Mas: esteve mesmo? Será que não se pode programar o envio de um tweet para a hora que se quiser? Será que ele não tem assessores que podem twittar por ele à hora que ele mandar?

 

Parece-me óbvio que Trump já percebeu há muito tempo que ao mandar tweets no período em que os americanos estão a dormir, a mensagem dele é a primeira que eles todos irão ler ao acordar.

Autoria e outros dados (tags, etc)


comentários

Sem imagem de perfil

De A.Lopes a 26.01.2017 às 17:47

Mas você acha que o queniano algum dia aprenderá a enviar mensagens pelo tweet? Não fossem os "jornalistas" e tvs amigas e este afro seria pior do que chimpanzé! Reparem bem na Obama:o que lhes parece aquela "macaca"?
Sem imagem de perfil

De Carneiro a 26.01.2017 às 19:56

A Michele nos ultimos meses ganhou peso e acabou o mandato com ar pesadão, a puxar à matrafona. Mas foi, de longe, a melhor coisa que o Obama trouxe para a ribalta. Sorte a dele ter um naco de mulher daqueles. E deixe lá isso da macaca, que esse não é o nosso registo.
Não se esqueça que o Homem Portugues deixou a maior e melhor herança genética ao mundo - a mulata brasileira - devido à sua boa-boca e tremenda capacidade de se deitar com mulheres de todas as cores.

Comentar post