Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Falências nunca mais

por Henrique Burnay, em 16.09.08

Tenho outra ideia,

Vamos explicar aos americanos que o maior banco deve ser público, para não falir. Assim sempre se regula o mercado e essas coisas todas. Eles, coitados, aidna se devem estar a recompôr das falências das companhais aéreas (antes e depois do 11 de Setembro), e devem estar bem arrependidos por não terem companhias de bandeira. e também podiam ter o mercado das televisões mais regulado, para terem melhores programas e melhor gestão. Ao menos a nossa RTP não corre o risco de falir, essa perversidade.

 


lavagem de mãos e outras medidas profiláticas

Sem imagem de perfil

De Inês a 16.09.2008 às 18:17

As companhias aéreas que fazem voos domésticos nos EUA, no entanto, foram intimadas a abrir uma excepção para os militares norte-americanos, não lhes cobrando os 75 ou 100 dólares extra que agora cobram pela bagagem - porque continuam em crise.
As companhias aéreas que operam nos EUA "têm de ser patriotas", ouviu-se por parte de comentadores televisivos... E algumas deixaram mesmo de cobrar aos militares.
Também se ouvem agora críticas ao investimento estrangeiro - "a China vai controlar a nossa economia?" - e é frequente a censura à deslocalização de empresas que "tira empregos aos americanos".
Imagem de perfil

De Henrique Burnay a 16.09.2008 às 18:20

Oh diabo, querem ver que eles afinal não são liberais quanto isso, que não há modelos puros? Mas, então, se o monstro neoliberal não é neoliberal, porque é que é monstro? Isto é muito complicado.
Imagem de perfil

De Rui Castro a 16.09.2008 às 18:21

Henrique, quando me mostrares onde é que defendi que os bancos, as companhias de aviação ou a rtp deviam ser públicos, eu respondo.
Até lá, porque recuso a ideia de que quem não é liberal (radical) é necessariamente socialista e, mais importante, por que tenho de ir buscar as minhas filhas ao jardim de infância, ficas sem resposta.
Abraço
Imagem de perfil

De Henrique Burnay a 16.09.2008 às 18:32

Eu só queria saber o que era mais regulação. Apesar do apelo do FMS, acho que podemos continuar amanhã.
Imagem de perfil

De António de Almeida a 16.09.2008 às 18:59

Ao menos a nossa RTP não corre o risco de falir, essa perversidade.

-Nem a CGD , se uma administração decidir correr riscos irresponsáveis, os accionistas (contribuintes) serão chamados a assumir a cobertura dos prejuízos, sem que no presente estejam a partilhar dos lucros.
Sem imagem de perfil

De Daniel Oliveira a 16.09.2008 às 19:54

Não ouvi este incómodo contra o Estado quando assistimos à renacionalização de facto da Fannie Mae e Freddie Mac.
Sem imagem de perfil

De Bruno-Planetas a 16.09.2008 às 20:14

Nem mais Daniel!!!
Imagem de perfil

De Miguel Noronha a 16.09.2008 às 20:56

Ouvir era difícil mas se tivesse passado pelo Insurgente tinha lido alguns posts contra isso.
Imagem de perfil

De Henrique Burnay a 17.09.2008 às 00:03

Pois não. Eu não disse nada. Mas eu não escrevo sobre tudo. Mas o debate teórico é idêntico: as falências devem ser evitadas a todo o custo? Portanto, defendes a intervenção na FM e na FC? Ou é apenas para registar que o modelo liberal nunca é puro? Ó Daniel, sobre os modelos não serem puros achei que já tínhamos todos aprendido qualquer coisa.

Comentar post