Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




liga dos últimos

por Rui Castro, em 05.10.08

O Carlos Botelho abespinhou-se com este texto do Rodrigo. O estilo é lamentável e a pobreza argumentativa é confrangedora. Ainda assim, não resisto a lançar um desafio ao Carlos Botelho: ele que indique 1-basta-1 protesto levado a cabo por professores, cujo principal objectivo tenha sido a defesa dos interesses dos alunos.


lavagem de mãos e outras medidas profiláticas

Sem imagem de perfil

De f a 05.10.2008 às 23:31

Abespinhado está o senhor, em histérica defesa corporativa do "Rodrigo"
Imagem de perfil

De Rui Castro a 05.10.2008 às 23:55

Sobre corporativismos, seria giro saber as profissões dos corajosos anónimos que têm vindo a criticar o texto em causa. A começar pela anónima que antecede este comentário.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 06.10.2008 às 00:10

Se o que importa é a profissão - professor.
Acha também que a atenção dos alunos se deve disputar a uma playstation? Quanto a isso creio que, a única resposta é a de que a Escola é um sitio de aprendizagem onde as novas tecnologias devem ser utilizadas como auxiliares no processo de ensino; ou acha que os professores estão lá para entreter os alunos?
Quanto à defesa dos interesses destes - sabe, por exemplo, que são as próprias Direcções Regionais de Educação que dão indicações às escolas para que alunos dos cursos profissionais não sejam retidos, mesmo que não tenham aprovação em qualquer módulo frequentado? Os professores reclamam sobretudo por menos carga burocrática naquilo que é o seu tempo na escola; maior disponibilidade para a preparação de aulas e conteúdos dado que é essa a sua verdadeira actividade.
Já agora, sabe por acaso como funciona o actual regime de progressão da carreira docente? Conhece algum sistema semelhante? E que tal olhar primeiro para as escolas, a sua forma de funcionamento, as suas condições e as directrizes de quem a coordena e opinar apenas depois?...
Sem imagem de perfil

De am a 06.10.2008 às 21:25

mesmo que os professores defendam os alunos, não podem defender-se a si próprios? e se os professores não se defenderem, quem os defende?
Sem imagem de perfil

De reb a 07.10.2008 às 14:03

Defender os "interesses" dos professores é defender os interesses dos alunos. Professores desmotivados e exaustos são menos interessantes e estimulantes para os seus alunos, e o contrário tb é verdade.

Vejo sempre o horário deles no início do ano e sei que, se a minha aula com eles calhar na 7ª ou 8ª hora do dia, pouco conseguirei ensinar-lhes. É por isso que defendo que tenham horários razoáveis! Por eles e por nós!

Comentar post