Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Os interesses

por Henrique Burnay, em 26.01.09

Independentemente do que o caso Freeport seja ou venha a ser, há outra história aqui que interessa. Num país onde toda a gente conhece toda a gente, onde todos são tios, primos ou amigos de todos, há uma horrível falta de transparência na defesa de interesses que podem ser legítimos.
Sindicatos, corporações, ONGs, todos promovem os seus fins e objectivos descarada e publicamente. Empresas, investidores, promotores de negócios, não podem. Legalmente não têm como o fazer com transparência. Uma reunião com um ministro é pressão, uma alteração de legislação é provavelmente corrupção. O resultado é que uns, sindicatos, corporações, ONGs, o fazem às claras (pelo menos também às claras). Os outros, empresas, investidores, promotores de negócios, são empurrados para os piores caminhos. Um país que considera vergonhoso ter interesses acabará a lamentar coisas vrdadeiramente vergonhosas.  
 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.






subscrever feeds