Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Vídeo Louçã

por Paulo Pinto Mascarenhas, em 30.01.07
TV Bloco

Diverti-me imenso com o genial vídeo dos Gato Fedorento a propósito do Assim Não do Prof. Marcelo. Espero aliás poder ver já na próxima semana o mesmo tipo de sátira ao vídeo - ou vídeos - do Dr. Francisco Louçã. Não só pela graça que terá certamente mas também como uma demonstração do pluralismo democrático dos melhores humoristas portugueses. O material é bom e demonstraria a todos que os Gato Fedorento não transportam militâncias para o programa de televisão na RTP. Trabalho é trabalho, conhaque é conhaque.


lavagem de mãos e outras medidas profiláticas

Sem imagem de perfil

De stephane filipe oliveira a 18.02.2007 às 18:37

Sim, mas o discurso de Marcelo Rebelo de Sousa foi ridículo e os humoristas ridicularizam o que é ridículo e não o que é normal, e sem graça. Toda a gente com o mínimo de bom-senso ou que tenha estudado teoria política ou direito sabe que é um contra-senso enorme alguém afirmar que está contra um crime, mas que é a favor da sua despenalização. Um crime só é crime quando existe uma coação que impeça a realização desse crime. As leis constituem-se de previsão e estatuição! Se o estado não impuser o medo na transgressão das leis não é Estado de Direito. Para além disso, a verdade é que o RAP apenas satirizou a incoerência do seu discurso e não os argumentos da campanha. Uma coisa são argumentos outra coisa é a disposição daquilo que Marcelo julgava que deveria acontecer após o referendo.
Além do mais, o que Marcelo pretendia não era determinável pelo referendo.

Comentar post