Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




boas causas

por Carlos Nunes Lopes, em 03.04.09

Autoria e outros dados (tags, etc)


comentários

Imagem de perfil

De Nuno Gouveia a 03.04.2009 às 14:25

Isto merece uma petição.
Sem imagem de perfil

De JMG a 03.04.2009 às 15:36

Merece sim. E poderia ser dirigida à Fernanda Câncio, pedindo-lhe que incuta juízo no namorado.
Sem imagem de perfil

De Piadista a 04.04.2009 às 20:28

Essa do namorado é de partir o côco.
Sem imagem de perfil

De Jorge a 04.04.2009 às 22:19

Namorado da anilha.
Sem imagem de perfil

De Vasco Rosa a 05.04.2009 às 13:46

Não creio. Estão bem um para o outro (intimidade à parte, que não nos diz respeito).
Sem imagem de perfil

De JPG a 03.04.2009 às 16:22

Utilizei a sua composição gráfica como ilustração numa página de causa FB. Não tive oportunidade para lhe pedir autorização prévia porque recebi a imagem via Twitter e não sabia de onde tinha vindo, apesar de ter pedido por diversos meios essa indicação.
Enfim, espero que não haja problema (posso fazer outra, claro) e que também possamos contar com a sua "assinatura" naquela causa. (http://apps.facebook.com/causes/263168)
Imagem de perfil

De Carlos Nunes Lopes a 03.04.2009 às 17:41

Fez muito bem. Já subscrevi.
Sem imagem de perfil

De Luis Serpa a 03.04.2009 às 20:24

Já subscrevi, também.
Sem imagem de perfil

De Acho eu a 03.04.2009 às 21:15

E agora ficamos à espera (sentados, é claro) que o director e os jornalistas do oficioso DN tomem posição solidarizando-se com o processado...
Sem imagem de perfil

De Julio Horta a 03.04.2009 às 21:58

Foda-se, então o Socrates não pode sentir-se ofendido??????
Ora q'esta agora... se eu chamar um nome feio ao JMTavares ele não me pode processar????

Era o que faltava.

Tenham juízo ou "Get a life", como diria o outro.
Sem imagem de perfil

De Curiosa a 07.04.2009 às 03:03

Uma coisa é o que se opina, outra coisa é o sentido que o visado lhe dá.

No tocante a ofensas, quantas gravíssimas, o plenário é AR é um palco em que os impropérios são a rodos.

José Sócrates, e o seu séquito, ofendem a maioria dos portugueses diariamente.
Sem imagem de perfil

De Joaquim Borges a 07.04.2009 às 18:21

Subscrevo completamente o que escreveu sobre o Socrates o jornalista João Miguel Tavares.

Joaquim Borges

Comentar post