Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Cristo desceu à blogosfera

por Paulo Pinto Mascarenhas, em 07.02.07
TV Bloco

Achei muita piada à resposta de Ricardo Araújo Pereira no blogue Gato Fedorento - presumo que desta vez posso acreditar que aquilo é mesmo para mim, ao contrário do que acontece com a personagem do programa a que se refere. É porém muito difícil de responder a quem entra no domínio do sobrenatural, misturando Alexandra Solnado, Jesus e diversos poderes censórios de gente muito poderosa. Como nota prévia, agradeço também penhorado a RAP que tenha descido da sua cruz mediática, dignando-se a esclarecer um comum mortal, um mero bloguiador que realmente não está ao nível de estrelas do quilate de um morango com açúcar, de um gato fedorento ou de uma floribela. Mas, repito, é mesmo muito difícil de lhe responder, sobretudo porque todo o texto do humorista parte de um pressuposto falso: o de que eu teria a "convicção firme" de que uma "certa personagem" que interpretou no último domingo estaria a falar comigo.

Explicando por miúdos, para quem não está a par da história: a tal personagem inventada pelos GF e que, por mero acaso, usava diversas expressões que escrevi num texto aqui no 31 da Armada - "pluralismo democrático", por exemplo - levou a que uma jornalista do 24Horas me telefonasse para a revista de que sou director a perguntar se me sentia retratado. Respondi-lhe que obviamente que não e que seria aliás uma honra descabida se tal fosse verdade. Foi isso que saiu numa coluna que acompanhava a notícia de uma página com a resposta de RAP às críticas dirigidas aos Gato Fedorento a propósito da caricatura do Prof. Marcelo. No meu comentário publicado aqui e no blogue da Revista Atlântico - limito-me de novo a responder - em meu nome e das mais diversas minorias citadas pelo próprio - ao que é dado por adquirido numa notícia do "DN" de que o humorista é aparentemente a única fonte.

E o que diz a notícia? Passo a citar: "vários críticos, sobretudo na blogosfera, entre aplausos, defenderam que a rábula seria uma forma de os Gato tomarem o partido do 'sim' no dito referendo. E, para que a imparcialidade fosse conseguida, sugeriam que o quarteto desse eco da posição contrária. Críticas que explicam o aparecimento de um provedor do telespectador, encarnado por RAP (na foto), e não qualquer género de pressão da RTP ou do seu provedor."

Mais: "As 'vozes críticas usam argumentos bizarros' que partem de uma 'premissa errada', defende o humorista. 'A nossa ideia não era manifestarmo-nos favoráveis ao 'sim'', mas 'criticar Marcelo [Rebelo de Sousa] por tomar uma posição no referendo'. Uma crítica, aliás, igual às que vieram 'dos partidários dos dois lados da campanha', reforça. Isto apesar de 'nós os quatro nunca termos feito segredo de que votamos 'sim' no referendo ou das nossas opções clubísticas. Parece-nos honesto', acrescenta. É motivo para perguntar se Herman José tinha razão quando avisou que não iam ter tarefa fácil assim que entrassem em campos difíceis? "Mandei-lhe uma SMS a dizer: 'Estou-lhe a escrever para lhe dar razão'", revela RAP."

Depois da dita revelação de RAP - cá está, a presença do sobrenatural - a dita notícia segue por ali em diante, com outros pormenores diversos, mas nunca falando do que agora ficamos aparentemente a saber através do blogue dos próprios: os Gato têm afinal sido alvo de diversas tentativas de censura por parte de "gente poderosa", incluindo recados com ameaças. A que a RTP e os próprios têm resistido estoicamente. E muito bem, claro. Só fica a dúvida porque se confundiu, em todas as notícias sobre o assunto, essas repetidas ameaças de gente poderosa com as meras críticas de meros bloguiadores. A culpa deve - só pode - ser dos mensageiros.

Autoria e outros dados (tags, etc)


comentários

Sem imagem de perfil

De nunca me ri tanto a 08.04.2007 às 20:57

há coisas que são tão tristes que até nos fazem rir, e eu já não me ria tanto, (nem por isso ) como me ri quando conheci este blog. Antes de mais, vênias á democracia, mesmo que ela crie pessoas poderosas como apresentadas no filme cómico de apresentação deste blog, que nada possuem nas suas cabeças, mas mesmo criando essas pessoas cria também a liberdade para as criticarmos e mudar.Mudar é palavra chave , ninguém deve abusar do poder e disso exemplos neste mundo pequeno temos muitos.Do ponto de vista gráfico o vosso filme goza com a vossa ideoligia , até porque logo no inicio aparece uma personagem da comedy central que é trez vezes pior do o senhor RAP, e o senhor rap não é um cómico do gato fedorento , é um estilo de música. O vosso letring deixa muito a desejar esses R´s ao contrário são de origem russa e dão-vos um ar comunista um pouco demodé.
Gostava até de discutir as vossas ideias , visto ninguém ser dono da razão , mas posso não concordar e a mim não me mandam para casa por ser menino, não tenho filhos para serem ameaçados, e se me mandarem preso pode até ser que escreva um livro para revoltar as mentes menos evoluidas que existem na nossa sociedade.
Desculpem os erros se existirem é páscoa e já estou meio bebido :).
Sem imagem de perfil

De mane a 09.04.2007 às 14:43

É com alegria imensa que reparo este país além de produzir desportistas, cientistas, eclesiásticos e (na opinião de alguns) políticos de sucesso, produz também opinadores de boca cheia. De que vale criticar as pessoas pelas suas opiniões? 'Opinador que critica opinião, merece 100 anos de perdão' já diz o povo. Que os GF têm sucesso, não deixa dúvidas a ninguém. Aparte alguns ressabiados. Existem, e sempre existirão, os indivíduos do contra. Aqueles que defendem que o céu é amarelo.
Que os GF já alcançaram um pico de humor e (inevitavelmente) um nível de audiências do que aquele que têm hoje é um facto.
Mas não é difícil provar que, hoje em dia, neste rectângulo de pés molhados pelo atlântico, os GF são a grande referência humorística portuguesa. E de forma justa. Trabalharam durante anos para aqui chegarem.
Individualmente eles não escondem as suas cores clubísticas , convicções politicas, credos ou orientação sexual. São transparentes naquilo que devem ser. Quantos de nós gostariam de saber de que clube é o Sô dôtor professôr Marcelo. Em que partido votam ilustres independentes. Que vida pessoal têm certas estrelas televisivas. Mas para quê? Para opinar. Esta capacidade inata que deveria ser incluída no índice de Apgar.
Por outro lado, podemos e devemos opinar. Opinar as opiniões. Tudo aquilo de que não gostamos. Ou mesmo, para aqueles com icterícia ocular, o que gostamos. Quando se criticam os opinadores , pode-se confundir crítica ' com 'inveja'.
E a história repete-se. Não existem humoristas imortais. Todos têm um fim à vista. Para isso basta entrarem em campos pantanosos como a... (e num repente o céu descobre raiando luz dourada sobre a palavra) política.
Eles têm um fim. Eles sabem-no. Todas as células humanas estão destinadas a morrer, a bem ou a mal.
Deixem a crítica fluir . Deixem o humor gargalhar. Deixem a palermice (obrigado sô ministro Pinho) ecoar no vazio sideral.
Sem imagem de perfil

De Bolhinha a 11.04.2007 às 20:43

Isto tudo é muito extraordinário!! É a primeira vez que aqui venho e há comentários para todos os gostos: os inteligentes, os pseudo-intelectualizantes(um não é sinónimo do outro), os malcriados (que só mostram que não têm argumento para debater e quem os escreve não tem mais onde passar o tempo, vem pr'aqui), os mais sensatos (já é sinónimo de inteligente), há de tudo, portanto.
E a realidade é única e inegável. Infelizmente, há quem se incomode com o sentido de humor; há quem se incomode com a crítica (que pode ser corrosiva, sim); há quem se aborreça, porque parece que nem toda a gente pode colocar outdoors onde lhe apetecer, desde que pague para isso.
Os Gato Fedorento estão numa fase de brilhantismo, de relacionamento com a sociedade e a política. E depois? Qual é o problema?
"So much ado about nothing"!!!
Da minha parte, acho incrível que uma pessoa que faz o seu trabalho possa ter a família ameaçada!! E pergunto se alguém que por aqui vai passando gostaria de ter a família ameaçada, por causa da estupidez alheia?
Humoristas, senhoras e senhores. Humoristas! São os mais críticos e os mais incomodados que tornam maior o sucesso dos Gato Fedorento, não se esqueçam!
Sem imagem de perfil

De ate-logo.blogspot.com a 12.04.2007 às 03:33

Vim aqui a este blog porque vi o RAP escrever sobre um tal de PPM. Alguém me indica o caminho para sair daqui? Tenho de carregar na cruz, não é?
Imagem de perfil

De Francisco C. a 19.04.2007 às 19:19

Grande RAP sempre em altasss!!Continuacao de bom trabalhoo
Sem imagem de perfil

De Luciana Abreu a 24.04.2007 às 15:04

floribela? floribela?

Estás um pouco confuso?

É Floribella. Flo-ri-be-lla.
Sem imagem de perfil

De sofia rute barradas a 27.04.2007 às 18:19

voces sao o maximo menos quando falam menos bem dos madeirenses, mas nao ha que reclamar...
bem quem nao deve achar muita piada a alguns comentarios e o primeiro ministro que deve estar pelos poucos cabelos que tem.
espero que continuem na rtp porque sem voces a rtp naio tem piada nenhuma(estou a brincar,rtp).

ps.ricardo nao te fica mal a maquilhagem de molher
Sem imagem de perfil

De susana a 01.05.2007 às 21:56

oh PPM faz esse :)

até tava disposta a ler o resto do post, mas confesso que cheguei a meio e exclamei '' epa.. por favor... menos disto!''
tive mesmo a imagem do tipico nerd, mesquinho, pequenino, que quer o mal de toda a gente só porque ninguem lhe quer bem a ele.
ENFIM LOL

achei que devia partilhar isto com alguem que usufrui tanto quanto pode da liberdade de expressao ;)


PAZ IRMAO!
Sem imagem de perfil

De hawaiiiii a 13.05.2007 às 02:42

que nojo nojo nojo nojo nojo nojo de pagina!!!!!

estou com os Gato Fedorento sempre!

ide todos à merda...
Sem imagem de perfil

De anonimo a 23.05.2007 às 16:46

Gato Fedorento tem déficite de imaginação, copia videos de Claude François.
Lembram-se do KUNAMI fresquinho, pois é KUNAMI é uma empresa produtora de videos jogos de playstation e outros.
Criatividade ZERO.
Toma vai buscar!
Sem imagem de perfil

De JLR a 06.06.2007 às 22:15

KONAMI, é o nome de uma empresa de jogos... :P
Sem imagem de perfil

De MarianaLourenco a 02.07.2007 às 01:29

LOL xD
Quer me parecer que isso do Kunami é o único exemplo que tens :)

No meio do monte de sketchs do Gato Fedorento, parabéns, conseguiste arranjar um termo que é 'comum' ( sim, porque Konami não é igual a Kunami ) a um sketch deles e a uma empresa produtora de video-jogos !
Isso revela, obviamente, que eles não têm criatividade nenhuma !

INFORMA-TE !
Vê o trabalho completo do Gato Fedorento antes de vires dizer barbaridades dessas !

'Toma vai buscar!' xD

Comentar post