Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Daqui movimento do 31 da Armada: Vai buscar Afonso Costa!

Autoria e outros dados (tags, etc)


comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 10.08.2009 às 20:07

Ainda que tenha sido a brincar , e a brincadeira feita por um bando de garotos que deviam levar umas palmadas dos pais, acho que se meteram num grande 31 . a ver vamos
Sem imagem de perfil

De Paulo Afonso a 11.08.2009 às 00:25

Ao pessoal do 31 da Armada:

Enquanto republicano parece-me de um anacronismo total a demanda de monarquias esclerosadas...de que alias continua a sofrer um grupo demasiado grande de nacoes "democraticas" europeias...

Em qq caso se os srs. sao tao cheios de "amor patrio"...porque nao icaram a bandeira de Portugal, republicana ou outra, em Olivenca? Ai sim a nossa bela monarquia e ausente e cobarde republica pouco fez...

Os portugueses que entao la' viviam, por volta de 1806, la' se calaram, foram proibidos de falar o idioma de Camoes, etc...

Mas os Srs. do 31 da Armada...preferem accoes com  algo de mais pueril...

Bando de palermas a meu ver...Reis das Berlengas e arredores...provavelmente ainda acreditam em Deus tambem e o demais...o que ainda assim deve ser uma liberdade dos homens, bem assim como escolher que nos governa colectivamente...e nao por pateticas razoes (???) de sangue...

Va' la' meninos - facam alguma coisa de realmente util e toca a marchar para Olivenca!!

Paulo Afonso
Sem imagem de perfil

De Miguel Porto a 11.08.2009 às 00:48

Ó Paulinho, tanta garganta e nada que se veja. Olhe que eu marcho, e já lá marchei com a nossa bandeira aos ombros - a nossa, escute bem, que é sua também, pois nem a mim nem a ninguém alguma vez se perguntou se queria esta merda da República ou estava bem assim a Monarquia. Se quer vir marchar comigo, seja homem, marchamos os dois. Mas olhe que até nem se vive mal em Espanha, que por acaso deitou fora o Fascismo para lá pôr uma Monarquia. Pense nisso e vai ver que esclerosadas são as suas ideias esquerdalhas, as mesmas da democracia que reina na China, em Cuba e na Coreia do Norte. Essas sim, benditas estrelinhas colhidas a foice e martelo, até dá gozo ir lá votar. São sempre é eleitos os mesmos. Mas desses ninguém fala, dos imperialistas do faroeste é que importa falar. Tenha tomates homem, zangue-se a sério com os macacos da Assembleia que lhe andam a atirar merda para os olhos. Ande, não tenha medo, se um bando de palermas foi capaz de içar a nossa bandeira nos paços do concelho, poderá certamente V. Exa. também ir dizer umas verdades ao inútil que democraticamente elegeu para o representar.
Sem imagem de perfil

De Paulo Afonso a 11.08.2009 às 18:56

Miguel:

> tanta garganta e nada que se veja.

Conclusoes a +, informacao a menos.  Porem
tera' alguma razao abstracta, enquanto Olivenca
estiver por resolver. De facto n houve coragem e lucidez
suficiente de povos e individuos e portanto "mea culpa" tambem.
 
>Olhe que eu marcho, e já lá marchei com a nossa bandeira aos
> ombros - a nossa, escute bem, que é sua também, pois nem
> a mim

E depois? O q e' q mudou, o q e' q aconteceu de novo - o mundo tremeu, os espanhois finalmente resolveram portar-se como gente civilizada nessa questao? Por isso e' pueril, n traz nada de fundamentalmente novo.

N o critico pela accao em si - houvesse +. Porem n chega, n
vai a lado nenhum.Ha' que ter + engenho e arte.

>a ninguém alguma vez se perguntou se queria  República ou estava bem  a Monarquia.

Nas Monarquias pergunta-se, e' ?

>Se quer vir marchar comigo...

Marcho ja'! Agora com planos bem definidos nas suas accoes ulteriores. Nao precisamos de rebentar uma bomba em Madrid.
Poderiamos p. ex. controlar as emissoes radio ou televisivas, ou informaticas - a pirataria de hoje ja' n e' so' de canhao.

Foi interessante o q aconteceu em Granada ha' uns anos, em q varios multibancos ficaram bloqueados na noite de Ano Novo. Assim pode doer um pouco aos espanhois. Engenho e arte.

>Mas olhe que até nem se vive mal em Espanha, que por acaso deitou

Deve referir-se 'a Monarquia - q o faria feliz a si.

>fora o Fascismo para lá pôr uma Monarquia.

Vivo na Alemanha - por ora - onde o fascismo mais cruel do
mundo deu lugar a uma republica federal, onde o
nivel de vida e a cidadania sao exemplares. Pense nisso.

Vivi tambem nos EUA durante alguns anos - e quem me dera que
com tal riqueza os EUA tivessem metade da eficiencia alema.

>Pense nisso e vai ver q esclerosadas

Pense no exemplo da Alemanha...

>são as suas ideias esquerdalhas,

Brilhante Miguel.

Desde quando e' q ser republicano implica necessariamente ser de esquerda?  Nao necessariamente maoista ou cubana, alias tao esclerosada como a monarquia.

>as mesmas da democracia que reina na China, Cuba e
>Coreia do Norte. Essas sim...até dá gozo ir lá votar. São sempre é >eleitos os mesmos.

Pois - sempre os mesmos. Como nas monarquias. 'As ditaduras da
China e Cuba so' lhes falta trono e coroa. De resto permitem igual escolha, ou seja, nenhuma!!! Esses sao os seus pares - n os meus

>Mas desses ninguém fala, dos imperialistas do faroeste é que >importa falar.

>Tenha tomates homem, zangue-se a sério com os macacos da >Assembleia que lhe andam a atirar merda para os olhos.

Para os seus talvez. Andando pelo mundo, vendo alguma merda com os meus proprios olhos, ja' n pega. Sobretudo a da monarquia.

>Ande, não tenha medo, se um bando de palermas foi capaz de içar a >nossa bandeira nos paços do concelho, poderá certamente V. Exa. >também ir dizer umas verdades ao inútil que democraticamente
>elegeu para o representar.

Havera inuteis concerteza, havera tambem gente muito capaz e empreendedora. A economia esta' cada vez + perto de ser uma ciencia exacta. As ideologias foram comprovadas e esbatidas no terreno - as solucoes quase-exactas encontradas, as melhores a implementar sao conhecidas. Tudo depende cada vez + da formacao e capacidade dos individuos, ou grupos de individuos - e cada vez menos das suas ideologia. Sobretudo das passadistas.

Se os elegi ou nao - e' voce outra vez a tirar conclusoes
precipitadas.

E' isso que esta' em questao aqui - pessoas, capacidade, ideias, terreno, nao ideologias ultrapassadas.

Paulo Afonso
Sem imagem de perfil

De Miguel Porto a 14.08.2009 às 00:05

Amigo Paulo:

ora assim é que a gente se entende, ponto por ponto e sem boquinhas à pré-primária!! Haja discurso coerente e paciência para o ler.

Está a ver como soa ridículo mandar marchar em Olivença? Se soa, não mande, homem! Pois é como lhe digo, mandou marchar e eu já lá marchei. E por não haver mais como eu que marchem em vez de mandarem marchar, é que os que lá foi meter à frente da Nau Catrineta nem sequer se atrevem a falar no assunto. Sossegaditos para não aborrecer os nuestros hermanos , não vá Espanha zangar-se connosco e lá se vai o Mundial. Ao fim e ao cabo, de futebol é que ao povo realmente interessa falar.

Nas Monarquias, que as há várias, também se pergunta, sim senhor. Esclareça-se, homem, não fale assim que mais parece um político. Pois não é que mesmo sem fazer rebentar Madrid, tratou Juan Carlos I de substituir a ditadura do defunto Franco por uma democracia, veja bem o escândalo. Pior que o discurso inteligente e esclarecido com que desarmou a Guardia Civil, só mesmo a prosperidade que desde então se tem visto evoluir em Espanha. Haja vergonha!!

Diz então que vive na Alemanha e que já viveu nos Estados Unidos, dois exemplos, na sua opinião, de qualidade de vida e do exercício impecável da cidadania. Deduzo que por lá viver ou ter vivido, está em posição privilegiada para deambular sobre o tema. E diz-me a mim que pense nisso, eu, amigo Paulo, que não só já vivi em Penzberg - não se perca no mapa, procure 50 km a sul de Munique, como vivo há 7 anos em San Diego, sul da California, fronteira com a península da mui mexicana Baixa California. Estamos quites? Permite-me agora que teça uma opinião esclarecida e fundamentada sobre o assunto? Então agarre-se que aqui vai disto: peço para ver com Suécia, Noruega, e Dinamarca, e subo com Reino Unido, Austrália, Nova Zelândia, e Canadá!! Ena, ena, e ainda me sobra a Bélgica, mas nem vale a pena bater mais no ceguinho. Ah animal!, isto mais parece Texas Hold'em , dois ases na mão e 5 na mesa!!

Inúteis e incapazes há-os em todo o lado, seja Monarquia ou República, seja Alemanha ou Portugal. Haverá também gente muito capaz e empreendedora nesses ou noutros exemplos. As ideologias evoluem, e só se provam à posteriori, não trazem garantia. As ideias monárquicas não são passadistas. São ideias e alternativas válidas, evoluídas e comprovadas no terreno. Com muita História em cima a corrigir o que não está bem e o que todos reconhecem não se pode voltar a repetir.

O Paulo é (será?) daqueles que são contra a Monarquia porque não lhe é dado a escolher o Chefe de Estado. Como se aqueles que são eleitos fossem realmente escolhidos pelo povo. Não se iluda: a escolha dos que vão a votos é tudo menos democrática, e isso é fundamentalmente uma limitação da nossa liberdade de escolha. Para usar o seu país-exemplo , chamo ao púlpito os Kennedy , não, espere!, os Clinton , quero dizer, os Bush - está a ver o padrão?

Já sei, já sei, na Monarquia é sempre igual, nem sequer se gira o disco para tocar o mesmo. Está mal!! A Monarquia Democrática não permite ao monarca que governe, antes exige-lhe que sirva de elemento unificador, que garanta a liberdade e a vontade do povo, que exija ao poder executivo seriedade, honestidade, altruísmo e capacidade governativa. Não o quer extravagante como uma Elizabeth II e demais corja de sanguessugas, mas que seja discreto, modesto e diligente como um Juan Carlos. A diferença entre um Rei e um PR ? O que está em jogo para um Rei não é a reeleição a cada 5 anos ou a reforma ao fim de 10. O que está em jogo para um Rei é a própria Monarquia.

1-2-3, diga lá outra vez!

Miguel Porto
Sem imagem de perfil

De metitus a 14.08.2009 às 12:55

Se tem essa vivencia toda, então a única coisa que se pode dizer, e que e um caso perdido... Monarquia, e então um caso evolutivo?? Claro, todos súbditos para a família real... Que pensamento triste.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.






subscrever feeds