Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Concurso ou ajuste directo?

por Vasco Campilho, em 23.08.09

Expresso: Quando começou a colaborar com o PS?

Manuel Caldeira Cabral: Em 2006, quando o gabinete de Estudos do Ministério da Economia, chefiado por Miguel Lebre de Freitas, me pediu um estudo sobre a internacionalização do país.

 

in Expresso, 22 de Agosto de 2009, p. 10 (Economia). 

 

Note-se a descontracção com que o co-autor do Programa Eleitoral do PS confunde servir o Estado e colaborar com um partido. E note-se como data o início da sua colaboração com o Partido-Estado de uma encomenda paga com o dinheiro de todos nós. Fica a dúvida: terá sido concurso ou ajuste directo?

 

 

Adenda: Manuel Caldeira Cabral deixou uma nota de esclarecimento na caixa de comentários. Tudo não terá passado de uma transcrição algo apressada da entrevista...


lavagem de mãos e outras medidas profiláticas

Imagem de perfil

De Vasco Campilho a 26.08.2009 às 17:11

Cara Manuel Caldeira Cabral,

obrigado pelo seu esclarecimento. Dele resulta claro que nao confunde estado e partido, nao obstante um ter levado a outro (o que em si nada tem de repreensivel). Concordara por certo que a transcriçao da sua entrevista produz um efeito muito diferente. Talvez uma cartinha ao Expresso a corrigir nao fosse ma ideia.  

Comentar post