Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Cuidado com as 'manobras perigosas´

por Rui Crull Tabosa, em 15.11.09

«A destruição das escutas é proibida, precisamente porque todos os visados podem necessitar delas a seu tempo», disse Carlos Pinto de Abreu, quando confrontado com o facto de o presidente do STJ ter, segundo o JN, ordenado a destruição das escutas ao primeiro-ministro.

Lembrando que actualmente «as investigações criminais complexas» que decorrem «são secretas», o especialista em Direito Penal frisou que «a seu tempo» os visados podem necessitar de consultar as escutas «para total informação e para o cabal esclarecimento da situação».

«A destruição de escutas só pode vir a suceder num momento posterior», acrescentou.

A destruição sumária destas escutas não será um caso de Justiça célere, mas de conveniência celerada. Aguardemos para ver o estado de podridão em que se encontra o regime.


lavagem de mãos e outras medidas profiláticas

Imagem de perfil

De Réspublica a 15.11.2009 às 17:39

Isso só é assim até ao fim da instrução, após o arguido contestar só ficam no processo as escutas que servirem de prova dos factos, mesmo assim o juiz de instrução deve sempre decidir a relevância de tais escutas, a maior parte das vezes ficam no processo escutas do gênero:
"Então como está o tempo?
Está bom.
Estás em casa?
Então vou aí."
Já se provou por exemplo a associação criminosa ou a conspiração.
Sem imagem de perfil

De Marquesa de carabás a 15.11.2009 às 21:11

como está senhor Réspublica

E eu que continuo sem uma única escuta: nada! Nem uma pequenina.Que raio de discriminação!
Já o nosso Primeiro é aquilo que se vê. Ou aquilo que se ouve. Ou aquilo que não se se ouve nem se vê nem se sabe, mas pensa-se que se sabe.
Isto parece o "salon" das madames, raio parta o homem: não há escandalo, escuta, embróglio em que ele não esteja, parece os "profissionais do croquete". Por este andar acaba deportado para a Sicilia. Ele e mais a primalhada toda, que parece que são mais cás mães.
Por mais que eu tente enfiar parentela no face,não lhe chego nem aos calcanhares.Isto enerva!

Cumprimentos,

Marquesa de carabás
Sem imagem de perfil

De PAIVA COUCEIRO ALÉM-TÚMULO a 15.11.2009 às 22:12

Marquesa,
Compreendo-a perfeitamente. Isto não vai lá sem a Monarquia. Se eu não estivesse a fazer tijolo, ainda me atirava a eles.
Sem imagem de perfil

De Ega a 15.11.2009 às 22:51

Comandante:

queira fazer a fineza de ressuscitar.
E atire-se a eles!!!

Por El-Rei, representado pelo falecido Satúrio Pires,
J. da Ega

Comentar post