Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




E se falassem antes de pensar?

por DBH, em 09.11.10

 

No mês passado, o Ministro das Finanças avisou que "com taxas de juro que se aproximem dos 7% entramos num terreno onde essa alternativa [recorrer ao FMI] começa a colocar-se."

 

Agora, que lá chegámos (os juros da nossa dívida), o Ministro da Economia vem - no seguimento do PM - desdizer o Ministro das Finanças.

 

Tenho a certeza que são ministros que pensam antes de falar; mas não seria bom - para a credibilidade interna, até - que falassem entre eles, antes de pensar?

 


comentários

Sem imagem de perfil

De Q a 09.11.2010 às 16:02

Tocou no ponto certo.
Sem dúvida que seria bem melhor que agissem sem pensar.
Fazendo o que pensam, já vimos que dá em desgraça. Se arranjassem outro método de decisão, como por exemplo, o método da moeda ao ar, diz-nos a estatística que acertariam 50% das vezes.
Seria bem melhor acertarem metade do que errarem sempre.

Comentar post