Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




uma maioria, um governo, um presidente. (II)

por Carlos Nunes Lopes, em 16.01.11

De acordo com Alegre, esta concentração de poderes numa única área política seria muito perigosa para o país, um dia, num cenário condicionado por inúmeras variáveis e com enorme imprevisilibidade.

Contudo, se por ventura Alegre vencesse as eleições presidenciais, operando a última acção de concentração de poder na área socialista e bloquista, logo a partir de 23 de Janeiro, então aí o país já ficaria a vencer.

Tudo isto se passa na cabecinha de Alegre, claro.

Autoria e outros dados (tags, etc)


comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 16.01.2011 às 10:42

... também foi só uma PlayStation e uns uísques de duas garrafas que importância tem isso, isso não deve afectar nada à bolsa do candidato quando chegar a Belém em 3º lugar e ser recebido com uma boa dúzia de pastéis de nata e uma grande garrafa de vinho do porto do Sr presidente Nobre numa Alegre Cavaqueira.
Sem imagem de perfil

De Jorge a 16.01.2011 às 10:47

A História avaliará a personalidade de Sócrates, e , provavelmente, chegará a uma conclusão que tarda em ser posta a descoberto, não só pelos psiquiatras como pelos mais iluminados deste pobre País como Manuel Alegre. Este homem (Sócrates) é um recalcado e, como tal, tornou-se um psicopata obcecado pelo poder, tal qual Hitler. Será sem qualquer pingo de pudor que levará este país ao desfalque total, ele sabe que já pouco mais tem a perder e sabe também que o povo português é ingénuo. Também já domina a certeza de que o povo prefere ouvir boas mentiras que más verdades e assim, mente, mente todos os dias e em todas as circunstâncias. O povo gosta e dá-lhe votos! Este homem é maquiavélico, o seu percurso de vida até aqui, deve ter sido cheio de recalcamentos, agora é chegada a hora de começar a mudar. De acabar com as maldades deste psicopata.
Ainda tenho fé que no dia 23 de Janeiro o povo abrirá os olhos e vai ter lucidez suficiente para distinguir o trigo do joio. Aí começará o principio do fim daquele que foi o pior Primeiro-Ministro desde o reinado de Dª Maria II.
Sem imagem de perfil

De O pastor a 17.01.2011 às 10:13

´Jorge,és um doente. No Julio de Matos está lá gente que não diz as tantas barbaridades. Um blogue,não deve ser palco para as nossas frustações e tu és efectivamente um frustado. Quem se exprime desta  forma merece compaixão. telefona-me que eu arranjo-te um Psi para dares melhor rumo à tua vida.Perdoa Senhor que o Jorge não sabe o que diz.
Sem imagem de perfil

De Lucyanni a 16.01.2011 às 11:03

o ps não tem maioria no parlamento!
Sem imagem de perfil

De cota a 17.01.2011 às 10:23


A tristeza é tanta, que até exageram nos poderes do Presidente. Sócrates só cai com os votos do PCP e do BLOCO. O Presidente vai continuar  o trabalho que fez até aqui,que foi aprovar decretos aprovados na Assembleia . O resto é passear com a D.Maria,e inventar escutas... 
Sem imagem de perfil

De Wanderlei a 16.01.2011 às 12:21

Prometeram-te um tacho qualquer se o Cavaco vencer as eleições e o PSD ganhar as legislativas, não foi? A excitação que vai neste blog com o Cavaco é qualquer coisa de espectacular. Mas o que eu gostava mesmo de saber era o que é que vocês acham das declarações do Aníbal sobre o corte de salários no sector privado...Se fosse outro qualquer a apregoar isso, imagino a enchurrada de posts que aqui apareceriam. Enfim, já se começam a ver os futuros boys em bicos de pés. Pick me, pick me!
Sem imagem de perfil

De JSP a 16.01.2011 às 12:40

Um povo que permite a candidatura do seu Lord How-How a Presidente da República  - revela bem a fibra de que (não) é feito..
R.I.P.
Sem imagem de perfil

De Herr Frederick a 16.01.2011 às 17:40

Manuel Alegre é aquele que melhores garantias dá para a independência de Portugal e para a divulgação da Lusitanidade.
Ter Manuel Alegre na Presidência, não só seria uma honra para Portugal, como seria um privilégio.
Mas ver se o Povo Português deixa de vez o seu analfabetismo crónico...
Sem imagem de perfil

De Sun Tzu a 16.01.2011 às 17:44


A vitória do Alegrre nas eleições em curso seria algo risível... O que faria o homenzinho para reavivar o defunto estado social que tanto apregoa que o Cavaco quer matar... como se fosse possível matar um morto (se o homicída não foi o Zé da Beira vou ali já volto).
Post srciptum: nem morto voto Cavaco, claro, a não ser na improvável hipótese da turba nos levar à 2.ª volta...
Sem imagem de perfil

De um trabalhador a 17.01.2011 às 22:35

Sun tzu,em portugues é sem tuza? parece, pelo prazer com que falas do estado social? para onde vais se tiveres hoje um acidente? para o privado ou para o hospitais do SNS.? Sun Tzu, és um grande cota. Diz-me o que fazes na vida para desprezares um serviço essencial? Já viste algum transplante do figado no privado? e coração? e rins? onde vão os velhinhos fazer hemodialise? sabes que mais és um triste. que idades tens? 15, 20 com 15 anos já vergava a mola para ajudar os meus pais. Dou valor aos serviços do estado. Olha para os EUA,onde uma boa parte não tinha direito á saude e os que tinham seguros,quando acabava o valor do premio,tinham que abandonar o hospital. Aqui já se passaram casos desses por correrem mal tiveram que ir para os hospitais que tu por falta de solidariedade ,já dasdás por morto.Ganha juizo e não digas asneiras
Sem imagem de perfil

De Ricardo a 16.01.2011 às 19:28

Vale uma aposta em como o poeta não chega aos 20% no dia 23? Por isso essa questão de Alegre ganhar as eleições, nem se coloca e os partidos que os apoiam sabem bem disso uma vez que têm as suas próprias sondagens.
O Assis já vem dizer que o PS se deve preparar porque "um dia destes", as palavras são suas, vai haver eleições.     

Comentar post