Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




"Não podemos entrar em euforia"

por Nuno Gouveia, em 04.05.11

Portugal atingiu o ponto de não retorno e foi obrigado a pedir ajuda externa para sobreviver. Portugal tem mais de 600 mil desempregados e a pior taxa dos últimos 90 anos. O défice de 2010 foi de 9,1. A dívida pública ronda os 100%. Na última década Portugal não cresceu. Tantos e tantos factos que podia estar aqui a descrever. 16 anos de governação socialista e 6 de José Sócrates deixaram Portugal de rastos. E Francisco Assis ainda tem a lata de dizer para "não entrarmos em euforia"? Não há vergonha neste Partido Socialista? 

Autoria e outros dados (tags, etc)


comentários

Sem imagem de perfil

De Paulo Torres a 04.05.2011 às 16:15

Claro que não! Se houvesse isto não tinha chegado onde chegou.
Sem imagem de perfil

De Bruno Perpétuo Tavares a 05.05.2011 às 01:27

E ainda há quem diga que este indivíduo está na calha para suceder a Sócrates... Tão ladrão é o que vai à horta como o que fica à porta. Todo o PS é cúmplice de José Sócrates porque não houve uma voz que verdadeiramente se levantasse para apontar o desvario em que se caiu.

Comentar post