Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Meu caro Vasco,

por Jacinto Bettencourt, em 08.06.11

que tu, neste excitante período da nossa História, não consigas pensar o mundo e as opiniões dos outros sem as dividir, classificar e reconduzir a partidos, secções, juventudes, blocos ou outras realidades análogas à que designas de "reacções do CDS blogosférico", é assunto que deixo contigo. Aceito, respeito e opto por fechar os olhos à aparente desconsideração que nisto demonstras pelas minhas posições. No entanto, e se não te importas, agradeço-te que doravante me faças dois enormes favores: por um lado, omitir-me de eventuais exercícios pueris de jota/cacique sobre quem apoia este ou aquele esobre quem está nervoso ou não; por outro, meter na cabeça que não apenas não estou nervoso como me limito a expressar aquilo que penso, alheio aos interesses alguns possam ter na formação da coligação e num qualquer equilíbrio de poderes entre partidos. A Ana Gomes comportou-se forma ordinária, ponto, e se algum de nós os dois está nervoso não serei certamente eu. Vá, concentra-te no que interessa e recebe um abraço amigo.


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.






subscrever feeds