Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A privatização da RTP

por Nuno Gouveia, em 11.06.11

No programa do PSD constava a privatização parcial da RTP, da RDP e da Lusa. Para uma comunicação social mais livre, mais isenta e mais independente, mas acima de tudo, para a libertação de um dos pesos do orçamento de estado mais inúteis, espero que isso conste no futuro programa de governo. Percebo que o CDS não defenda a privatização. Mas a haver cedências (e obviamente haverá nos dois lados), que o CDS deixe cair esta questão e que permita que o futuro governo avance para o fim desta RTP (como o Miguel Noronha aqui relata). Haverá certamente outros pontos de discórdia em que o CDS terá razão para ser inflexível. Não neste "problema" de 300 milhões anuais. 


lavagem de mãos e outras medidas profiláticas

Sem imagem de perfil

De Alexandre Carvalho da Silveira a 12.06.2011 às 16:21

Interessa-me pouco se a RTP privatizada é isenta ou deixa de ser. Se não gostar não vejo, que é o que faço com a SIC e a TVI. Não tenho (eu e todos os que pagam impostos) é que pagar todos os dias 822 mil euros para sustentar aquilo. E o mesmo serve para a RDP e a Lusa.
Se fosse governo, começava as privatizações por aí. A seguir vendia a TAP, as goldenshares, e a CGD.
 Mas já não estou de acordo com a privatização da REN, que devia ser do estado, e assim promover uma verdadeira concorrencia no fornecimento de energia às empresas e às familias.

Comentar post