Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Para o João Miranda e LR toda a despesa pública se conta em "érre-tê-pês". A medida X vale meia RTP, o imposto Y equivale a 4 RTP, e por aí em diante.

 

Para estes bloggers, a primeira e única medida simbólica é a privarização total, absoluta e imediata da RTP. Nada deveria sobrar. Nem serviço público a contratar com privados, nem arquivo a preservar, nem canal internacional ou regional a emitir ou, sequer, trabalhadores a indemnizar. Tudo tem de ser imediatamente alienado, para as contas (os tais 300 milhões/ano) darem certas.

 

Isto só mostra que a questão é ideológica -a  privatização blitzkrieg ou Atlas revolta-se - e não orçamental.


lavagem de mãos e outras medidas profiláticas

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 02.07.2011 às 22:23

A RTP abusou da paciência dos Portugueses


Acabe-se com ela sem mais nem ontem e livramo-nos todos desse fardo de gordos e parolos e simultaneamente de centenas de milhões €uros anuais.


"Fiquemos", para quem quiser com o Tele-Lixo da SIC e da TVI.

Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.






subscrever feeds