Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





lavagem de mãos e outras medidas profiláticas

Sem imagem de perfil

De Herminius a 09.12.2011 às 11:58

Agora percebe-se porque é que o senhor estudante sócrates não pagou a renda do quarto quando estudava em Coimbra.
Coisas de criança
Infelizmente  este está fora do rifão:
"De pequenino é que se torce o pepino"

Torceram-lhe outras coisas e deu no que deu
Sem imagem de perfil

De jorg a 09.12.2011 às 13:01



Não se percebe bem porquê tal interpretação sobre o "pagar da divida" causa tanta admiração!


O Pneumático Vieira, desde há anos, quando


fala dos passivos monumentais do Glorigozo, que anda


dizer mais ou menos o mesmo, e a ser até aplaudido por presuntos 6 'melhões' e media associados pelo propalar de tal farronca.....

Sem imagem de perfil

De Monti a 09.12.2011 às 15:12

Atitude de futuro PM quando jovem:
Covilhã,
época das novas calças Lois.
Um comerciante dá 2 mil escudos ao rapaz,
para lhe trazer um par de Espanha, ali perto.
Nem caças nem dinheiro.
Assim se fabrica um político de topo.
Sem imagem de perfil

De Joaquim Amado Lopes a 09.12.2011 às 15:22

O "esclarecimento" levanta outra questão: quem é que falou em pagar a totalidade da dívida no próximo ano, de forma a justificar o comentário de José Sócrates?
_
A resposta é óbvia e o "esclarecimento" é apenas José Sócrates a mostrar que continua o sem-vergonha que sempre foi.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 09.12.2011 às 15:57

Até parece 10 anos mais novo. Deve ser só putas e vinho francês!
Sem imagem de perfil

De t a 09.12.2011 às 17:52

ironias do destino: devia estar calado e fala; devia ser proibido de ir à Tv e continuam a dar-lhe tempo de antena para justificar baboseiras; devia estar no calabouço e anda a curtir em paris.
Sem imagem de perfil

De Serrano a 09.12.2011 às 19:19

A curtir???
Um gajo daqueles não curte
... é curtido ....

 
Sem imagem de perfil

De Eleitor a 09.12.2011 às 19:31

Não sejam injustos! O homem diz que foi assim que aprendeu. Ora, o putativo curso dele foi de engenharia ou algo parecido. O conhecimento resultará, assim, de uma cadeira sem importância, dada à pressa e sem avaliação final.
A culpa é dele se o ensino não teve qualidade?
Sem imagem de perfil

De anónimo a 10.12.2011 às 13:47

Pouco bom ... em Paris! E alguns de nós, os terráqueos, com muito mais habilitações, a pagar a dívida (até disso se livrou).  
Sem imagem de perfil

De RC a 10.12.2011 às 18:35

Vítor, isso é uma pergunta escusada. Depois de uma roubalheira de 6 anos ninguém tem preocupações de subsistência tão cedo.

Comentar post