Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Brinquedos giros para os seus filhos

por Sofia Bragança Buchholz, em 14.01.12

 

É sempre bom uma criança ter um Herpezinho, um HPV, uma Gonorreiazinha, ou uma Sífiliszinha de peluche para brincar!

Quem é o "ganda" maluco que se lembra de inventar estas coisas?!

 

Tags:


comentários

Sem imagem de perfil

De blhac! a 14.01.2012 às 17:26


Olha que bom gosto!
Sem imagem de perfil

De Piursa a 15.01.2012 às 10:38

- Mãe, compra-me um Herpes!
- Não!
- Mas tem um ar tão fofo, vá lááááá!
- Já te disse que não!
- Então vou apanhá-lo!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 15.01.2012 às 14:25

tem uma certa piada. se perder um bocado a olhar para o site descobre que isto não são brinquedos para rapazitos... ai, ai, esta malta choca-se muito facilmente!
Sem imagem de perfil

De Miguel Madeira a 15.01.2012 às 22:54

http://www.giantmicrobes.com/us/content/about.html

"Founded in 2002, our mission here at Giantmicrobes Inc. is to produce unique and interesting gifts for children and adults alike.
Whether your interest is educational, medical, or just plain old entertainment, we're your number one source for all things microbial!"

Parece-me que eles não excluem esse ramo (basicamente, a conversa deles parece ser "os nossos produtos servem para tudo - para por no laboratório em cima do armário com os tubos de ensaio com as amostras de gonorreia, ou para o seu filho de 3 anos dormir abraçado a ele")
Sem imagem de perfil

De EMS a 15.01.2012 às 14:49

O maluco anda a facturar 3 milhóes de dolares por ano.
Eu cá até acho o herpes fofinho. Se há quem fique chocado por ver determinado tipo de "doenças" na caixa dos brinquedos, poderá escolher algo mais apropriado á idade dos petizes. Uma varicelazinha ou um sarampozito parecem-me bem.
De resto, não vejo nenhum mal em conhecer-se o inimigo.
Sem imagem de perfil

De Catroika a 15.01.2012 às 16:00

Oh Sofia tiveste azar na procura de brinquedos para a pequenada
Imagem de perfil

De Artur de Oliveira a 19.01.2012 às 06:24

Só falta o peluche da AIDS. Credo!

Comentar post