Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Uma boa causa

por tpr, em 28.04.07

Costuma dizer-se que só se dá valor a uma coisa quando se deixa de a ter.

 

Nós estamos a perder a língua portuguesa na Europa. Esta é uma das línguas oficiais da União Europeia, mas é cada vez menos pedida e, consequentemente, ouvida nos trabalhos das instituições comunitárias - Comissão, Conselho e Parlamento Europeu.

A Comissão reduziu as suas línguas de trabalho ao inglês, francês e alemão. Os Deputados ao Parlamento Europeu nem sempre se têm empenhado na utilização da língua - porque não comparecem nas reuniões, e por isso a cabina portuguesa deixa de ser requisitada; ou porque, pretendendo mostrar as suas habilitações linguisticas, por e simplesmente, falam noutra língua , fazendo assim desaparecer o português do contexto europeu. No Conselho, os representantes nacionais lá o vão pedindo, quando comparecem nas reuniões.

 

A Presidência Portuguesa da UE inicia-se dia 1 de Julho de 2007, e em Junho desse ano vão anular a contratação da interpretação portuguesa em várias reuniões.  

O relato integral em português da sessão plenária do Parlamento Europeu deixará de existir a partir de Junho de 2007. Logo a seguir começa a Presidência.    

 

É o nosso património que está a desaparecer.  


lavagem de mãos e outras medidas profiláticas

Sem imagem de perfil

De Daniel Marques a 28.04.2007 às 23:35

É o Soares com o francês e o Sócrates com o inglês técnico. Isto vai ser lindo...

Comentar post