Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




antes que me corram do blog fico por aqui

por Rodrigo Moita de Deus, em 22.05.12

Eu gosto do Sérgio Lavos.

E digo-vos que é importante ler o Sérgio Lavos.

Verdade. Tem pouca lisura na pena. Mas compensa na força das convicções o que lhe falta em retidão argumentativa. E eu gosto do Sérgio Lavos.

Verdade. Tem excessiva queda para o adjetivo zoológico. Mas compensa a escassez semântica com o colorido das figuras de estilo. E eu gosto do Sérgio Lavos.

Verdade. Tem pouca velocidade no argumento. E alguma falta de agilidade na resposta. Mas compensa em intransigência o que lhe falta em retórica. E eu gosto do Sérgio Lavos.  

O Sérgio Lavos prefere escrever a ler. Falar a ouvir. Mas compensa em rigidez o que lhe falta em cintura. E eu gosto do Sérgio Lavos.

Sérgio Lavos é como é. É quem é. Sem pretensões, presunções ou ambições. Goste quem gostar. Não goste quem não gostar. É legítimo que não se peça mais do que isso.

Eu gosto do Sérgio Lavos. O Sérgio Lavos é que não gosta de mim.


lavagem de mãos e outras medidas profiláticas

Sem imagem de perfil

De DOCINHO a 22.05.2012 às 21:54

Não digas tudo o que sabes
Não faças tudo o que podes
Não acredites em tudo o que ouves
Não gastes tudo o que tens

Porque: muitas vezes :
Quem diz tudo o que sabe: diz o que não convem
Quem faz tudo o que pode: faz o que não deve
Quem acredita em tudo o que ouve: julga o que não vê
Quem gasta tudo o que tem: Gasta o que não pode

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





subscrever feeds