Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Suponho que tenha sido um elogio. Não me lembro de Salazar ter tido melhor aliado do que a igreja católica.


lavagem de mãos e outras medidas profiláticas

Sem imagem de perfil

De Salazar não teve apoios apoiou-se... a 07.06.2012 às 23:42

nem teve aliados teve servos...

a igreja foi cúmplice da estupidificação e da miséria de um povo em troca dos beija-mãos das élites civis e militares

logo nada de novo nas palavras do provedor da fé nas forças armadas mas não amadas

o próximo 28 de Maio sai quando?
Sem imagem de perfil

De Fascista a 07.06.2012 às 23:50

Isto é o eterno retorno do fascismo, quando a nossa camarada grega, deu com o jornal, naquela besta fascista e militarizada das auroras boreais nazis e alemãs que o pariram, viu-se perfeitamente que tipo de reacção estes reaccionários são capazes.
Fascismo nunca mais.
Salazar era da opus gay,como os bispos que queriam deixar vir a si as criancinhas, só na verdadeira evolução democrática, nós que somos gregos podemos arranjar uns pupilos do senhor reitor.
Abaixo os meninos da sacristia, vivam os nossos bravos pioneiros.
Sem imagem de perfil

De faxe-me isto....que eu já bolto a 08.06.2012 às 01:35

czwartek 7 czerwca 2012
É PRECISO É DISTRAIR A MALTA:VAMOS CORTAR AS ALTAS RELVAS SECULARES? SÓ SE FOR A MACHADO
Na Selva do RELvas(,) a sociedade toda — a civil, a militar e os bispos que guardam a fé no próximo babadé, ou no próximo golpe de estado ou de asa — vive obcecada com a existência de uma coisa a que chamam de “o pensamento profundo sem fundo”.
O “tal de profundo sem fundo” consiste nas fundas raízes que as relvas dos thalassas, da carbonária, do novo estado já velho e do velho estado remodelado e pintado para parecer novo, quem vê nos serviços secretos, polícias e bispos do exército, man comunados ou man comunistas ou self made's manes de outras cores feitos por si ou apadrinhados por um pae da púbica res púdica que anda em con luios e con loios, com ele men tou à grega da massonaria que vem à televisão dizer que é perseguida, ou a outra dos negócios em casas d'alterne e eurros 2004 com all moçaradas de frangos com miúdos, ou a mais pobretanas dos trolhas do ajuste in di rectum e da élite apolítica, mas que também come, sem esquecer, é bastante escuro mas para os paes e mães do estado de direito bastante claro,que um sistema judicial moroso e manipulável, é o ideal para que todos tenham acesso ao que o estado velho que se dizia novo negava, um processo que durasse década e meia com garantias para todos, ballets rose com censura da imprensa e com condenações ridículas jámé.
Assis não sey quê e tal e coysa, lançam até até (provavelmente um até era pouco)aos alicerces (cortados cerces como os tu mates ) de toda a vida nacional.
Em Portugal talvez não haja “pensamento profundo sem fundo”.
Mas vamos sabendo que existe o “pensamento superficial”.
É uma espécie de babugem bobagem(,) na qual fermentam ou marinam sabe-se lá, microcriaturas e grandes e enormes bestas rotundas que fazem rotundidades, sem con e cimento mas com “con's e cimentos para toda a obra ou fluviário anexo”.
Creturas ou micro organismus estataes culturaes sem cultura mas com agricultura e hortas políticas a rodos, ou a bodos tante fax, mas com cunhas Leais ou pouco, metidas por políticos apolíticos ou políticos ama dores ou dos profissionaes do sado-masoquismo, com um percurso feito entre lojas maçónicas manhosas ou daquelas mais nobres de estylo braz & braz gregas e laicas com um grande arquitectum mais nominal que real e um Zeus de pacotilha que se dá com os outros deuses do oh limpo?
ou deixo como está que ninguém repara
DEUSES rodeados de amigos e de sicários, de trauliteiros a soldo de caciques amigos com carreiras em exílios longínquos ou em prisões duras de semana e meia ou DEuses e mais raramente Semi-Deusas que fizeram carreiras nos pioneiros e pioneses das juventudes partidárias ou nos escoteiros do bairro, ou nas tunas e ass ass cia's sões politecas e uni bersitárias berserks
Assis vão trocando empregos arranjados por sabe-se lá quem
e sabe-se lá quando em setôres e outros professores dedicados às cidadelas dos autarcas ou aos SNS com nerv'algias ou nevralgias do trigémeo às vezes never all gébri cus (ou diz-se lubricus? somos gregos romanus num sunt )
O KRATOS que é PHODER passa por estado para os papalvos, por favor ou por favores de umas cousas que podem ser púbicas ou privadas empresas ou expedições coloniais que por sua vez arranjam aos Argonautas da apoliteia ou da Poli-teia o seu Tosão de Ouro ou a sua fatia do QREN para fazer um castelo algures ou quiçá expandir o turismo rural lá do burgo se for autarca da via real ou do caminho de cabras.
A diferença entre o “pensamento profundo sem fundo” que causa náuseas às donzelas e donzéis que o engolem e o “pensamento superficial” putogoês está, pois, a penas...
É que, ela a gaija Vândala Merckel dos Mercados Visigodos e Suevos que nos estupidifica há 900 annus, pode atacar a democracia grega que é nossa, pelas relvas radicaes livres ou com soltura
É claro que ninguém repara que fizeram lenhos fundos no tronco e a sangram há 900 annus e ultimamente há meio-século em guerras coloniaes e taes e partidárias várias pelo con troll da mithologgia germânica de raiz escocesa e logo pictórica
Enfim assis em guerras infindas pelos colonatos
Sem imagem de perfil

De atento a 13.06.2012 às 12:22

que cromo este !
Sem imagem de perfil

De atento a 13.06.2012 às 12:23

porra o cromo é este não o outro , engano !
Sem imagem de perfil

De Comparou quem com quem? a 08.06.2012 às 01:44

Bolas o Coelho não era aquele que apanhou um IPO do SNS à custa do telemóvel mãos livres?
Salazar conheço não, isso de marqueses do pombal ou de seus serviçaes e taes que só saem no correio da manhã se andaram à naifada, agente conhece pouco saiba vossa senhoria.
O meu amo talvez pudesse pôr umas notas de rodapé quando falazar sobre esses míthicos cavaleiros monges que nos deram a terra livre de mouros e pronta para nós servos da gleba a lavrarmos.
Agente agradece a mercê, mas ao menos podiam ter deixado os mouros aqui nos desertos da margem sinistra que a gente lavra lavra mas inté agora nã brotou pitroil nem gasoil...
Sem imagem de perfil

De Robin of Locksley a 08.06.2012 às 01:58

Você não se lembra porque não sabe história.
Sem imagem de perfil

De histéria? a 08.06.2012 às 03:10

quando uma cousa e tal boateira ou falsa memória é arrepetida em petas muytas bezes chama-se históira

se for russa e estalinista dis-se histroika

se for de nobre ladrão de nobres
que dá migalhas aos pobres
acho que se chama vale e robin ou robone?
batmões de gaijos e sai-me este roubin
inda se fosses um houdin i....
Sem imagem de perfil

De tric a 08.06.2012 às 03:05

foi um elogio, foi...Protecionismo total...bye, Euro...
Sem imagem de perfil

De foi uma pistola apontada à cornadura a 08.06.2012 às 03:14

como o Relvas das Selvas fez nos Paços ao Passos...ou vaes a eleições agora ou arranjamos outro?

ou bufas agora ou arranjamos outro provedor da fé para os terços das lojas de santo António

bilhas de trolhas com a mão na bilha
e aparecem estes curas que nem se agarram aos cabos
nem metem a mão nas praças...

agora é quase tudo gaijas
nem uns meninos do coro arranjam para o exército...
é a crise
ódespois os gaijos queixam-se é natural y tal e tal
Sem imagem de perfil

De que significa "bispote"? a 08.06.2012 às 20:14

Januário não disse o que disse, como Bispo.
Foi como bispote.
Bispote derramado e incontinente...
Sem imagem de perfil

De Pax Vobiscum a 08.06.2012 às 20:48

O excelente CORREIO DA MANHÃ, informa:

"D. Januário ganha 4400 euros/mês

Bispo das Forças Armadas ganha mais de nove salários mínimos"

Póxa: seu Bispo(te) saca grana à beça, né?

Comentar post