Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Eu que não sou de intrigas

por Rodrigo Moita de Deus, em 08.06.12

O Corporações acabou antes de rebentar o caso das secretas...


lavagem de mãos e outras medidas profiláticas

Sem imagem de perfil

De salvai-vos creatura vegetal a 08.06.2012 às 22:56

Isto é um verdadeiro herbicídio, primeiro atacaram as relvas, depois as corporações vegetaes fortemente enraizadas no torrão pátrio internético, obviamente irão atacar as moitas e outras arbustividades que cavam esta terra pedregosa da plítica irracional e begetativa

há quem fale com plantas
há quem escreva para elas

num país pisado e mijado por velhos e velhas xéxés
se calhar queriam que medrassem jardins...
Sem imagem de perfil

De Nós iremos abater os fascistas à paulada a 08.06.2012 às 23:00

É o eterno retorno dos pauliteiros de miranda e do franchising da Isabel dos Santos do pau de Cabinda e dos Cabindas de pau feito.
E das Moitas W.C. caninas...um mundo de pau e de pedrados, na crise dos metaes, é o paul lélé ó lítico dá cá uma pedra...
Moita de Deus dá coca?
Sem imagem de perfil

De Ó imbecil Moita de Deus dá tudo a 08.06.2012 às 23:08

Dá coca, dá haxixe, cria empregos, afunda piratas somalis e gregos, esmaga as falanges gregas só com um cheirinho, Moita de Deus dá mais moca que crack e LSD juntos, basta ver as tiradas dos comentadores, melhor do que Moita de Deus, só mesmo as drogas do Bloco de Esquerda, as do PCP são mesmo à moda antiga, à falta de martelo, uma pedrada na tola e lá nasce um novo pioneiro, ou um futuro grevista dos centros de desemprego e formação associal.
Moita de Deus é o fornecimento anual de drogas do deus da guerra grego, do romano, do bispo major general dos terços de Santo António e inda sobra prós amigos.
Com 300 hectares de Moitas de Deus prantadas arresolvia-se o déficit norte-americano e o déficit comercial com os chinocas.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





subscrever feeds