Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




está tudo louco II

por Rodrigo Moita de Deus, em 09.07.12

Eu também sou pelo princípio da equidade entre funcionários do privado e os funcionários do Estado. Ou acabam com as regalias todas dos funcionários do estado ou então obrigam as empresas a ter as mesmas regalias para os seus funcionários. Infelizmente o segundo cenário é impossível. Sabemos hoje que as mesmas regalias aplicadas a empresas implicavam a falência das empresas, como aconteceu com o próprio estado.


lavagem de mãos e outras medidas profiláticas

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 09.07.2012 às 15:45

Faça um post a aconselhar todos os leitores do seu blog a ver ou rever a "Grande Reportagem " que a SIC emitiu ontem, 08 de Julho, das 21:00 às 22:00.

Aí estão o nosso (da maioria) destino. As raízes do nosso empobrecimento. E de como meia dúzia de iluminados se abotoaram.

E o continuam a fazer no presente do indicativo.

Perdão pela linguagem, mas isto tresanda. E tantas esperanças que muitos de nós colocaram na "Troika"...Mas isto é endémico..
Sem imagem de perfil

De FP a 09.07.2012 às 17:04

Quais são essas regalias que tanta gente diz que o funcionário público tem? ADSE ... cada vez pior a agora opcional CGA ... opcional á muito tempo ... os privados tem SNS e Reforma paga pelo estado ... Será que alguns tem regalias? Acho que está na altura de acabar com esse mito!
No fundo somos todos frutos do mesmo desleixo que vem desde o 25 Abril ... agora existe um facto que estou de acordo ... cortar nos privados é criar receita e não cortar despesa ... vamos ver onde se pode balançar estas duas coisas. Obrigado e boa tarde.
Sem imagem de perfil

De Privado a 09.07.2012 às 18:26

Detalhemos então as regalias dos funcionários do Estado:

- não os podem despedir (ou despromover), e só com muita dificuldade os conseguem punir;
- são promovidos independentemente do seu mérito;
- têm por regra um horário permissivo, já para não falar nos casos em que esse horário é estupidamente reduzido;
- beneficiam de um "sistema" de saúde especial;
- podem acumular o seu lugar na administração com um (ou mais) empregos no "privado";

Tenho para mim, e a bem da equidade (que agora parece estar na moda) que o "privado" não se importaria de partilhar destas benesses.
Sem imagem de perfil

De FP a 09.07.2012 às 22:53

Por meia dúzia de uns pagam todos!
(Já percebi as regalias de que falam)
Acreditem ou não ainda existem alguns que trabalham ... até fora de horas e sem ganhar mais por isso ... se calhar somos mal vistos ... admito ... mas por uns ... não julguem todos.
Sem imagem de perfil

De Pedro Silva a 14.07.2012 às 23:10

Ainda bem que percebeu as regalias (e faltam ai algumas). Eu trabalhando no provado adorava trocar as vossas pelas nossas. Abraço

Comentar post