Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




... coisas

por Afonso Azevedo Neves, em 29.08.12

O FT cita ainda o economista da Comissão Europeia Peter Weiss , depois da terceira avaliação da troika, em abril: "O governo não pode fazer mais." E garante que os mercados não ficaram indiferentes às reformas em Portugal: "os juros da dívida a dois anos caíram abaixo de 5%, o nível mais baixo em mais de um ano, e a dez anos chegaram a estar abaixo de 9% este mês - uma das melhores prestações dos países-membros este ano."

 

in DN

Autoria e outros dados (tags, etc)


comentários

Sem imagem de perfil

De Prof. Sir Aiva a 29.08.2012 às 13:42

Pois sim...!
Depois da Troika dar a táctica e mesmo assim...,assessores e motoristas avençados, são às carradas.
Gestores públicos a ganhar o mesmo que o primeiro ministro...., não é que esteja mal.
O 1º, é que nem metade do que ganha merece !
Sem imagem de perfil

De o 1º ou o 2º ganha o dobro em pareceres a 29.08.2012 às 16:28

ora se só ares ganhou biliões de escudos a dar pareceres

este que é mais grego e mais passado que o outro pelo menos ganhará isso em dracmas

é pena que não sejam de prata...
é pouco mais que o salário dum juiz

um almirante do contra ou do vice de pareceres submarinos ganha um milhão por hora de pareceres e inda leva 78 mil de pré e de reserva e de reforma

Sem imagem de perfil

De é verdade os juros da alemanha a 0% a 29.08.2012 às 16:24

são péssimos...

pior ainda tá a dívida amarikana

felizmente a nossa a 189 mil milhões ou a 190 mil milhões tá fina

inda chegaremos aos 200 mil milhões?
ou a crise da dívida americana apanha-nos aNtes?

e a libra afunda ou não afunda ó oráculo das nebes

as neves são eternas ou são só ternas?
Sem imagem de perfil

De weiss é branco , como as neves a 29.08.2012 às 16:30

são parentes?

ou só são da mesma cor?
Imagem de perfil

De monge silésio a 29.08.2012 às 16:54

Entretanto, na Grécia...:

"A determinação das medidas (para a poupança dos 11.600 milhões de euros) não terminou. Estamos contra uma nova redução das pensões e dos salários e a redução drástica do financiamento dos municípios porque não poderão funcionar", disse Fotis Kuvelis, líder da formação de centro-esquerda Dimar.

Mais do mesmo, só que agora a coisa...
Sem imagem de perfil

De CVC a 29.08.2012 às 17:24

O desespero dos laranjas é evidente.

Os mercados demonstram que Portugal é a nova Grécia.

Nem os artigos da treta conseguem mascarar a realidade.
Sem imagem de perfil

De silva a 29.08.2012 às 23:23

A farsa continua com a falta de investigação do despedimento coletivo de 112 trabalhadores do Casino Estoril, quem gere o tamariz, quem gere a discoteca jazzbel e muitos outros lugares dentro do Casino. Quem investiga esta gente que sacrifica pessoas para montarem outsourcings e serem eles donos e senhores de um Casino Estoril.

Comentar post