Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O método de Hondt explicado a crianças

por Rodrigo Moita de Deus, em 07.05.07

Alberto João Jardim, às vezes, pode parecer excessivo e alienado. Mas em toda aquela loucura há método e propósitos claríssimos. Nada é feito ou dito por acaso. O que podia levar Alberto João Jardim a sobrevalorizar um partido sem dimensão eleitoral como o PND? Hostilizando-os durante a campanha, deu tempo de antena e acabou por oferecer um deputado. Mais do que isso. Ofereceu um deputado que pertencia ao PS - para além de ter controlado uma possível subida do CDS em número de votos. Depois de ter inventado e alimentado o PDC Alberto João Jardim tem um brinquedo novo. Em política, mais do que escolher os aliados, mestria é saber escolher os adversários.


lavagem de mãos e outras medidas profiláticas

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 07.05.2007 às 12:31

Caro Rodrigo,

Esta análise faz-me lembrar o Nuno Rogeiro a falar da guerra no Iraque. Daqui a pouco vai especular também sobre o PS e dizer que Alberto João deu um deputado ao MPT e que foi ele que fez a cisão no PS-M. Não me parece.

Baltasar Aguiar foi eleito, porque fez uma campanha inovadora, porque conseguiu fazer política com humor, coisa que nunca se tinha feito à direita. Este episódio faz-me lembrar a eleição dos dois primeiros deputados do BE, o estilo é o mesmo, muda-se apenas o campo político.

Cumprimentos,

João Gomes
http://aquelaopiniao.blogspot.com

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





subscrever feeds