Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Directamente à fonte

por Rodrigo Moita de Deus, em 30.04.13
Quem cita quem? O corporações cita Sócrates ou é Sócrates que cita o corporações. Nunca saberemos. A única coisa que sabemos é que há mais gente a ler o corporações que a ver o programa de Sócrates.


comentários

Sem imagem de perfil

De nã a velharia com tdt vê o socras a 30.04.2013 às 21:04

11% dela pelo menos

o resto vê as novelas da TVI ou o cabo

ou o canal do balsemão

os blogues ninguém os lê é clicar e seguir em frente

Depois falta substância estando cheio de abtrusidades?
1ºRua Sérgio Lavos</span>....aparentemente nem meteu o nº na rua«Arbeit Macht Frei»com aspas

Mudam-se os tempos, mudam-se alguns costumes, mas há mentalidades imutáveis, contradiz o grande Camões em que afirmava mudarem-se as vontades

Logo uma perigosa fixista

A gravura que ilustra o teu poste de tortura é elucidativa e proporciona umas comparações, seria que ler isto é uma tortura tão grnde? maior do que ouvir duas horas de discursos de Fidel em coreano? não as comparações aparentemente várias eram:

1ª e única? das comparações?Um escravo chicoteia outro escravo, logo assume que o outro por ser preto é escravo, quando pode ser um dos donos da cooperativa do Papa Doc Duvalier tentando comer mais umas migalhas no dia-a-dia e esperando que o amo não decida matá-lo

aparentemente anda a ver muito Spartacus

2ªcomparação aparentementeNo III Reich, a expressão que referi no início adquire todo o seu esplendor físico ou químico, com a ajuda prestimosa dos Kapos…e dei capi de tutti capo

3ª ou 2ªparte II?Século XXI e aí está o IV Reich Financeiro, onde abundam os Goebbels comunico-sociais, com o objectivo de nos convencer ...a um género(aparentemente há vários géneros) de inscrição como escravos voluntários....os chamados escravos por dívidas poderia a pedante ter acrescentado, mas o ensino em Portugal é uma merda como dizem os soviéticos cinquentões que por aí andam nas praias

espaço em preto

3ºE se este esplendor físico e agora psicológico do «Arbeit Macht Frei» trabalhar em quê se está tudo desempregado...pois não resultar, adivinhas quais os meios a que recorrerão, se lhes dermos tempo para isso?

aparentemente o bidu adivinha

Olha, para onde não interessa, olha não recorro ao velho e ultrapassado Marx, mas ao jovem Plauto que dizem só ter sido escritor depois de 20 anos na legião logo deve considerar-se jovem.... por acaso Plautus quer dizer pés chatos, uma alcunha e não o nome de um tipo que pode ter morrido aos 50 ou aos 70 que se sabe quando morreu mais ano menos ano mas não se sabe muito bem em que ano nasceu
e o nº de marados que comentam inda são menos
no Corporações ao menos comentam os textos...ou o que passa por textos

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.






subscrever feeds