Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




sobre a memória

por Rodrigo Moita de Deus, em 25.04.18

Estou aqui a ver as notícias. Já passaram mais de quatro décadas sobre a revolução. Um pouco menos sobre tudo o que se passou depois. Pelo que vejo, a este ritmo, mais cinco ou seis anos, e Otelo é promovido a herói nacional em vez de ser tratado como chegou a ser julgado em democracia: um criminoso.     


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.






subscrever feeds